Projeto Jardim Do Éden

Projeto Jardim Do Éden
A Associação Qabalista Mundial – Gará Kulam Moshav, na voz do seu fundador e presidente Misha´El Yehuda ben Yisrael, lançou, em 2006, o “Projeto Jardim do Éden” cuja intenção era conseguir a doação, empréstimo ou mesmo arrecadar fundos para a compra de um Sitio ou Chácara onde será instalada a sede da sua Comunidade Mística, o Centro Brasileiro de Estudos da Qabalá. Clique na imagem, conheça o projeto e faça uma doação.

EU QUERO ACREDITAR

EU QUERO ACREDITAR
CRIPTO-EVIDÊNCIAS DA PRESENÇA ALIENÍGENA NO PASSADO DA HUMANIDADE

Os Verdadeiros Anunnki

Os Verdadeiros Anunnki
A verdade jamais revelada sobre os Anunnaki

Novo Livro

Novo Livro
Duna - Uma Experiência Verdadeira

Os Ecos De Enoch

Os Ecos De Enoch
Página dedicada à criação online da Obra "Os Ecos De Enoch"

PROGRAMA "OS ARQUIVOS X"

PROGRAMA "OS ARQUIVOS X"
Apresentado entre agosto e novembro de 2015. Clique na imagem!

Faça Uma Tzedaká (Doação)

Faça Uma Tzedaká (Doação)
O Segredo Da Doação

terça-feira, 20 de junho de 2017

A Verdadeira Identidade Do Rabino Isaac Lúria


Raziël 
רַזִיאֶל
אָרִיזַל


Quem tem "ouvidos" para "ouvir" que "ouça" e adquira o temor dos céus para que o orgulho não lhe suba ao coração e o faça cometer peshá (pecado de rebelião) contra o Criador dos céus e da terra, o todo poderoso, abençoado seja Ele. Eis aqui um maravilhoso segredo que não foi revelado nos tempos antigos e que somente agora o selo que o protegia foi retirado.

Quando uma pessoa alcança, neste mundo, o mesmo nvel da consciência espiritual que Adão possuía no Gan Éden (Jardim Do Éden), o próprio Raziël ha'Malach (Anjo Raziël) vem para instruí-lo com a Chochmat Nistar ha'Torá (Sabedoria Escondida da Instrução Divina), isto porque, Raziël foi o professor de Adão no Jardim Superior. 

Este evento aconteceu no século dezesseis com o nascimento do Rabino Yitzchaq Lúria e este segredo está codificado no Sha'ar ha'Guilgulim (o Portal das Reencarnações). 

Em diversos momentos o rabino Chaim Vital mencionou a recusa de seu mestre, o Leão Sagrado, em lhe revelar a verdadeira natureza da sua alma e quando o rabino Vital insistia, ouvia dos lábios do seu mestre: 

"Não me é permitido revelar-te a verdadeira natureza da minha alma, unicamente que eu vim ao mundo para te instruir". 

Quem era o Rabino Yitzchaq Lúria? E por que sempre se recusava a revelar a verdadeira natureza da sua alma?

"Ele me disse que veio para Safed só por minha causa. Além disso, ele me disse que a principal missão da reencarnação atual era passar por aqui por minha causa, para me completar, e que ele não tinha vindo por causa própria, porque ele não precisava ter encarnado".

Sha'ar Ha'Guilgulim - Ha'Qadmá 38

Depois de seu ocultamento no dia 16 de julho de 1572, o sagrado Leão passou a ser chamado de "Arizal (אָרִיזַל)" cujas a letras hebraicas revelam a verdadeira natureza da sua alma. 

Quando aplicamos temurá (permutação cabalística) sobre as letras de Arizal elas se transformam em Raziël (רַזִיאֶל) o Nome do professor de Adão no Jardim do Éden. 

A magnificência da Sabedoria alcança todos os céus. Se o Rabino Yitzchaq Lúria era uma manifestação do mestre dos mistérios divinos, quem foi então, o rabino Chaim Vital? 

Por muitos episódios no Portal das Reencarnações, quando questionado pelo próprio Vital para que lhe revelasse quem ele era e qual a verdadeira natureza da sua néfesh (alma), o Arizal dizia: "Saiba, eu ainda não tenho permissão para lhe revelar qual a sua missão ao vir ao mundo e quem você é. E se eu lhe dissesse detalhadamente o assunto em questão, você flutuaria no ar de tanta alegria (Sha'ar ha'Guilgulim ha'Qadmá 38". 

Vital era uma manifestação do primeiro ser, Adão e por isso o Arizal, que era uma manifestação do Anjo Raziël, veio ao mundo para instruí-lo. 

Muitos mestres contemporâneos do Rabino Chaim Vital imploraram com lágrimas para que o Arizal lhes ensinasseo Dere'k Nistar (Caminho Escondido) ao que o Rabino Yitzchaq Lúria lhes assegurou ter vindo ao mundo apenas é unicamente para instruir Chaim Vital e que ninguém poderia aprender esta Sabedoria se não fosse por meio do Rabino Vital (Sha'ar ha'Guilgulim ha'Qadmá 38). 

Eu havia dito e escrito que, quando eu voltasse de Eretz Israel, após ter completado a unificação da minha alma com a alma do meu mestre, o Arizal, muitos mistérios da Sabedoria Escondida seriam abertos. 

Em alguns textos nos encontramos o Arizal revelando em resposta as provocações de dois judeus perversos que sempre estavam rindo dele: "Vocês não sabem que a minha alma tem raiz na alma de Moisés? E que eu poderia fazer a terra abrir como Moisés o fez, e fazer com que eles fossem engolidos, uma vez que eles são reencarnações de Datan e Aviram que foram tragados vivos no episódio de Korach?". Esta declaração parece conter uma contradição, mas ela desaparece quando estudamos o Zohar Beshalach sobre a criação da alma de Moisés: 

"Aprendemos que, naquele momento, que chegou a hora de Moisés, o profeta fiel, descer ao mundo. O Santo, abençoado seja ele, retirou um Espírito Santo de um bloco cortado da pedra preciosa, a safira, que estava escondida dentro de 248 luzes, e brilhava sobre ele. E ele o coroou com 365 coroas e ficaram diante dele, e ele o nomeou sobre tudo o que era dele. Ele lhe deu 173 chaves, e o coroou com cinco coroas. Toda coroa subiu e iluminou em mil mundos que iluminam e nas luzes escondidas nos tesouros do Rei Santo Revelável"

Zôhar Beshalach

A alma possui 248 órgãos e 365 nervos e tendões que são forma aos órgãos, nervos e tendões do corpo, mas o segredo não é apenas este. A Torá possui 248 preceitos positivos e 365 negativos. 

A gematria do Nome Raziël (רַזִיאֶל) é 248 que é a mesma gematria de Arizal (אָרִיזַל). As 173 chaves são as letras na Prece Ana Bekoach e as cinco coroas são o segredo das cinco letras no Nome Raziël (רַזִיאֶל). 

Os sábios declararam que Moisés era metade homem e metade anjo o que comprova esta revelação. Lemos em Sêfer Devarim (Deuteronômio) capítulo 33, a seguinte declaração sobre a natureza angélica de Moisés:

"Esta é a bênção com que Moisés, homem de Deus, abençoou os filhos de Israel antes do seu ocultamento (וְזֹאת הַבְּרָכָה, אֲשֶׁר בֵּרַךְ מֹשֶׁה אִישׁ הָאֱלֹהִים--אֶת-בְּנֵי יִשְׂרָאֵל)".

Deuteronômio 33:1

Neste passuq, Moisés é chamado de "Ish ha'Elohim" e sabemos que os "Ishim e os Elohim" são hierarquias angelicais. Em Dere'k Nistar (QABALAH), os ishim (Heb. אִישִׁים - "homens", "personagens", "personalidades", "indivíduos") ou Eshim (אֵשִׁים - "incêndios", "chamas", "faíscas") são uma classe de anjos sobre os quais disseram que são os mais próximos dos assuntos da humanidade. Eles são compostos de fogo e neve, e são descritos como "as almas belas" que residem em Makon, o 5º Céu e Moisés foi chamado "Ish ha'Elohim (אִישׁ הָאֱלֹהִים)".


No próprio Sêfer Devarim nós encontramos "Raziel" e abaixo dele "Yavô (virá) e ao lado "Moshê ish ha'Elohim...".

A metade anjo da alma de Moisés era o Anjo Raziël e por isso ele era chamado "Ish ha'Elohim" que pode ser compreendido como "Faísca de D'us".

Manuscritos De Qumram

Dois fragmentos de manuscritos descobertos em Qumram,  especialmente o 4Q374 e 4Q377, levantam especulações de que a Moisés foi concedido um status "divino e angélico".

"E, subindo Moisés ao monte, a nuvem cobriu o monte. E a glória de Hashem repousou sobre o monte Sinai, e a nuvem o cobriu por seis dias; e ao sétimo dia chamou a Moisés do meio da nuvem. E a aparência da glória de Hashem era como um fogo consumidor no cume do monte, aos olhos dos filhos de Israel. E Moisés entrou no meio da nuvem, depois que subiu ao monte; e Moisés esteve no monte quarenta dias e quarenta noites (וַיַּעַל מֹשֶׁה, אֶל-הָהָר; וַיְכַס הֶעָנָן, אֶת-הָהָר. טז וַיִּשְׁכֹּן כְּבוֹד-יְהוָה עַל-הַר סִינַי, וַיְכַסֵּהוּ הֶעָנָן שֵׁשֶׁת יָמִים; וַיִּקְרָא אֶל-מֹשֶׁה בַּיּוֹם הַשְּׁבִיעִי, מִתּוֹךְ הֶעָנָן. יז וּמַרְאֵה כְּבוֹד יְהוָה, כְּאֵשׁ אֹכֶלֶת בְּרֹאשׁ הָהָר, לְעֵינֵי, בְּנֵי יִשְׂרָאֵל. יח וַיָּבֹא מֹשֶׁה בְּתוֹךְ הֶעָנָן, וַיַּעַל אֶל-הָהָר; וַיְהִי מֹשֶׁה, בָּהָר, אַרְבָּעִים יוֹם, וְאַרְבָּעִים לָיְלָה.)". 

Êxodo 24:15-18

Os sábios disseram que, somente por causa de sua natureza "humano-angélica" Moisés pode suportar 40 dias e 40 noites sem comer e sem dormir.

O Livro De Raziel

"Este é o livro das gerações de Adão. No dia em que Deus criou o homem, à semelhança de Deus o fez (זֶה סֵפֶר, תּוֹלְדֹת אָדָם: בְּיוֹם, בְּרֹא אֱלֹהִים אָדָם, בִּדְמוּת אֱלֹהִים, עָשָׂה אֹתוֹ)". 

Gênesis 5:1

"Rabi Aba disse: Um livro foi realmente enviado a Adão através do qual ele discerniu e compreendeu a sabedoria suprema. Por isso, o verso se refere a ele como "o livro das gerações de Adão". Este livro mais tarde foi para as mãos dos "filhos de Elohim" Os sábios de sua geração, que tiveram o privilégio de aprender com ele e coletar a sabedoria suprema. Eles o compreenderam e compreenderam. Este livro foi trazido pelo guardião dos segredos que é o anjo Raziel e foi dado a Adão no Jardim do Éden. Três anjos da guarda estavam diante dele e guardavam o livro, para que as forças externas não tivessem acesso a ele".

Zôhar Bereshit A - 472

O nome Raziel está codificado neste verso (Gênesis 5) a partir da palavra "Zêh Sêfer (זֶה סֵפֶר)" a cada quatro letras no sentindo inverso na direção do verso 26 do capítulo 4:

 כו וּלְשֵׁת גַּם-הוּא יֻלַּד-בֵּן, וַיִּקְרָא אֶת-שְׁמוֹ אֱנוֹשׁ; אָז הוּחַל, לִקְרֹא בְּשֵׁם יְהוָה א זֶה סֵפֶר, תּוֹלְדֹת אָדָם: בְּיוֹם, בְּרֹא אֱלֹהִים אָדָם, בִּדְמוּת אֱלֹהִים, עָשָׂה אֹתוֹ

Raziël 
רַזִיאֶל

Dentro deste trecho da Torá nos encontramos "Lúria" e acima dele os dois versos onde Raziel está codificado:


Acima, no centro (em vermelho) está "Lúria (לוּרְיָא)" e acima dele à esquerda esta "Zêh sêfer (amarelo)" e Raziel em verde.

Esta é a razão secreta do porque o Rabino Isaac Lúria era chamado de "ha'Ari (הָאֲרִי)" cujas letras são as inciais de "Elohai Rabbi Yitzchaq (הַאֱלֹהָי רַבִּי יִצְחָק) - O Divino Rabbi Isaac".

"Os montes foram cobertos da sua sombra, e os seus ramos se fizeram como os formosos cedros". - Salmos 80:10

כָּסּוּ הָרִים צִלָּהּ; וַעֲנָפֶיהָ, אַרְזֵי-אֵל
רְזֵיאֵל

Autor
Dipankara Vedas
Misha'Ël Ha'Levi

domingo, 11 de junho de 2017

O Despertar Da Era Messiânica


O Nascimento Da Era Messiânica: 

Em 23 de setembro (3 de T'shri) de 2017, acontecerá uma rara e maravilhosa conjunção planetária nos céus. Júpiter, depois de passar nove meses no ventre de Virgem (20 de novembro a 20 de setembro), nascerá. A virgem dará à luz ao messias (nós) dando inicio à Era Messiânica. 

Júpiter entrou no ventre da virgem celeste no dia 20 de novembro de 2016 passando nove meses escondido em seu útero, e agora nascerá inaugurando a Era da nossa iluminação. Uma maravilhosa conjunção estará acontecendo: Régulos (Alfa Leônis), Vênus, Marte e Mercúrio estarão em perfeito alinhamento na Constelação se Leão que é a Shevet (Tribo) de Judá nós céus e, portanto, é denominada esotericamente "Ha'Ari Shevet Yehudá (הארי שבט יהודה) - O leão da tribo de judá". 

Leão possui nove estrelas que somadas com os três planetas (Vênus, Marte e Mercúrio) resulta em doze. A gematria de "Ha'Ari Shevet Yehudá" é 557 que é a mesma de "Sêfer Ha'Zôhar (ספר הזהר) - O Livro do Esplendor". O Zôhar diz que o Leão é o símbolo no estandarte da tribo de Judá e representa o Messias filho de David que é o segredo do DESPERTAR GLOBAL MESSIÂNICO DA HUMANIDADE. A permutação do Nome Sagrado de Leão é "Hê Vav Yud Hê (הוֹיָה). Ora, 557+26=583. É na constelação de Leão que se encontra a estrela binária classificada no catálogo de Hiparcos como HIP 50.583 (Gamma Leônis). 

"Judá é um leãozinho, da presa subiste, filho meu; encurva-se, e deita-se como um leão, e como um leão velho; quem o despertará (גּוּר אַרְיֵה יְהוּדָה, מִטֶּרֶף בְּנִי עָלִיתָ; כָּרַע רָבַץ כְּאַרְיֵה וּכְלָבִיא, מִי יְקִימֶנּוּ.)? 

Gênesis 49:9 

A palavra hebraica para planeta é a mesma palavra para estrela que é Kochav (כוכב). Todas as doze estarão apontando para o sol e este que é o rei estará apontando para a virgem, constelação que recebe o nome esotérico de "Beit-Lechem (Belém). Beit-lechem significa "Casa do Pão" classificação devido à nomenclatura estelar da sua principal estrela Spica (Espiga). A constelação é representada por uma virgem que segura, em sua mão esquerda, um feixe ou espiga de trigo. Virgem estará com a lua a seus pés. 


Apocalipse 12 

"E viu-se um grande sinal no céu: uma mulher vestida do sol, tendo a lua debaixo dos seus pés, e uma coroa de doze estrelas sobre a sua cabeça. E estando grávida, gritava com as dores do parto, sofrendo tormentos para dar à luz ".

וְאוֹת גָּדוֹל נִרְאָה בַּשָּׁמָיִם אִשָּׁה אֲשֶׁר־הַשֶּׁמֶשׁ לְבוּשָׁהּ וְהַיָּרֵחַ תַּחַת רַגְלֶיהָ וְעַל־רֹאשָׁהּ עֲטֶרֶת שְׁנֵים עָשָׂר כּוֹכָבִים

Apocalipse, 12: 1 & 2 

Algo maravilhoso estará se realizando. As nove estrelas de Leão mais os três planetas são "sh'nayim ésser kochavim (שנים עשר כוכבים) - As doze estrelas - que serão a coroa da virgem que estará "vestida com o sol", pois, nossa estrela estará na constelação de virgem. 

Isto foi o que profetizou Ishayahu ha'Novi (O profeta Isaías): "Portanto HASHEM mesmo vos dará um sinal: eis que uma virgem conceberá, e dará à luz um filho, e será o seu nome Emanuel (לָכֵן יִתֵּן אֲדֹנָי הוּא, לָכֶם--אוֹת: הִנֵּה הָעַלְמָה, הָרָה וְיֹלֶדֶת בֵּן, וְקָרָאת שְׁמוֹ, עִמָּנוּ אֵל)" - Isaías, 7: 14. Que sinal é este? "E disse Deus: Haja luminares na expansão dos céus, para haver separação entre o dia e a noite; e sejam eles para sinais e para tempos determinados e para dias e anos (וַיֹּאמֶר אֱלֹהִים, יְהִי מְאֹרֹת בִּרְקִיעַ הַשָּׁמַיִם, לְהַבְדִּיל, בֵּין הַיּוֹם וּבֵין הַלָּיְלָה; וְהָיוּ לְאֹתֹת וּלְמוֹעֲדִים, וּלְיָמִים וְשָׁנִים.)" - Gênesis 1:14. A palavra traduzida para "sinal e sinais" nos dois versículos é "Ót (אוֹת)" e "Ótot (אֹתֹת)" que significam "Letra" e "Letras". 

As constelações são as letras do alfabeto celeste. O Zôhar revela que a palavra hebraica "alma (הָעַלְמָה)" traduzida aqui para virgem significa "mundo/universo/constelação". 

Este evento aconteceu há 2000 anos quando recebemos uma janela para a Era da iluminação mas a rejeitamos dando lugar à religião. Não, Jesus não vai voltar. Cada era tem o seu Cristo, o que aponta o caminho para a iluminação. Agora é a nossa vez. 

Eu já havia publicado sobre este evento anos atrás. Os evangélicos o descobriram e novamente se iludiram pregando que é um sinal da volta de Jesus. Não, não é. Novamente eles se enganarão, mas os despertos reconhecerão o sinal e se iluminarão dando à luz ao seu Cristo interior.


Os Três Reis Magos

Então, novamente, os Três Reis Magos (Vênus, Marte e Mercúrio) estarão seguindo a estrela do messias (o sol) apontando para o local do seu nascimento em Belém (constelação de Virgem) onde o menino (Júpiter) irá nascer na manhã de 23 de setembro de 2017. A data 23 de setembro quando transliterado para o hebraico (בְ"כ'ג בְ"סֵפְטֵמְברוֹ) resulta em gematria 424 que é o valor numérico de "Mashiach Ben David (מַשִיִח בְן דַוִד)" que se traduz para "Messias Filho De David" que é o segredo do Despertar global.

424
מַשִיִח בְן דַוִד

Obrigado meu mestre, Dr. Immanuel Velikovsky por me guiar à descoberta destes mistérios, bendita seja sua alma.

Immanuel Velikovsky
1899 - 1979



Autor
Deepak Sankara Veda

Compre aqui o livro 'Kalamus Elohai'

O Artesão Da Luz