Projeto Jardim Do Éden

Projeto Jardim Do Éden
A Associação Qabalista Mundial – Gará Kulam Moshav, na voz do seu fundador e presidente Misha´El Yehuda ben Yisrael, lançou, em 2006, o “Projeto Jardim do Éden” cuja intenção era conseguir a doação, empréstimo ou mesmo arrecadar fundos para a compra de um Sitio ou Chácara onde será instalada a sede da sua Comunidade Mística, o Centro Brasileiro de Estudos da Qabalá. Clique na imagem, conheça o projeto e faça uma doação.

EU QUERO ACREDITAR

EU QUERO ACREDITAR
CRIPTO-EVIDÊNCIAS DA PRESENÇA ALIENÍGENA NO PASSADO DA HUMANIDADE

Os Verdadeiros Anunnki

Os Verdadeiros Anunnki
A verdade jamais revelada sobre os Anunnaki

Novo Livro

Novo Livro
Duna - Uma Experiência Verdadeira

Os Ecos De Enoch

Os Ecos De Enoch
Página dedicada à criação online da Obra "Os Ecos De Enoch"

PROGRAMA "OS ARQUIVOS X"

PROGRAMA "OS ARQUIVOS X"
Apresentado entre agosto e novembro de 2015. Clique na imagem!

Faça Uma Tzedaká (Doação)

Faça Uma Tzedaká (Doação)
O Segredo Da Doação

sexta-feira, 11 de janeiro de 2013

O Cometa & o Êxodo Bíblico


O Cometa McNaught
(C/2006 P1) - O Grande Cometa de 2007

À medida em que o conhecimento vai sendo relembrado, que os arquivos cósmicos vão sendo abertos e penetrados, os mistérios bíblicos vão sendo desvendados e a religião vai perdendo sua força sobre a alma da humanidade e a verdadeira espiritualidade vai sendo despertada.

Sempre tivemos perguntas, curiosidade para descobrir como os milagres foram realizados e porque nunca mais vimos maravilhas tais como as narradas nas escrituras. Eis aqui uma delas:

"Eis o que diz o Senhor: nisto reconhecerás que eu sou o Senhor: vou ferir as águas do Nilo com a vara que tenho na minha mão e elas se mudarão em sangue (כֹּה, אָמַר יְהוָה, בְּזֹאת תֵּדַע, כִּי אֲנִי יְהוָה:  הִנֵּה אָנֹכִי מַכֶּה בַּמַּטֶּה אֲשֶׁר-בְּיָדִי, עַל-הַמַּיִם אֲשֶׁר בַּיְאֹר--וְנֶהֶפְכוּ לְדָם)". 

- Êxodo 7:17

O Senhor disse a Moisés: “Estende a mão para o céu, para que caia uma chuva de barad em todo o Egito sobre os homens, os animais e sobre toda a erva dos campos”. 

- Êxodo 9:22 

Barad é a palavra hebraica para "meteorito" que foi traduzida para em todas as Bíblias para "granizo" ou chuva de granizo.

Em seis semanas, a Terra cruzou três vezes a cauda do Cometa Typhon, a causa dos milagres e pragas que caíram não apenas sobre o Egito, mas sobre todas as nações, o planeta inteiro foi sacudido por seu encontro com este gigantesco cometa, a "vara de Deus".

Na última passagem, a Terra cruzou entre a cauda e a cabeça do cometa. A força gravitacional deste gigantesco "Anjo do Senhor" puxou as águas dos mares, rios e cachoeiras para cima, incluindo o "Iam Suf - Mar da Tormenta (Suf vem de Sufá que é tormenta)".

O Cometa McNaught

O cometa era vermelho sangue, por isto, na primeira praga em que o "Cajado de Deus (o próprio cometa)" feriu todas as águas do planeta, quando a Terra cruzou sua calda na primeira vez, elas se tornaram "sangue".

Abraham Rockenbach (1536 - 1611) escreveu: "No ano terrestre de 2453 - como muitos autores acreditados, na base de muitas conjecturas, determinaram - um cometa apareceu, o qual Plínio também mencionou em seu segundo livro. Era luminoso, aparentava um círculo irregular, com uma cabeça envolta, tinha forma de um globo, e era de terrível aspecto. Algumas autoridades asseveram que o cometa foi visto na Síria, Babilônia, Índia no signo de Capricórnio, na forma de um disco, ao tempo em que os Filhos de Israel avançavam do Egito em direção à Terra Prometida, guiados em seu caminho pela coluna de nuvem durante o dia, e pela coluna de fogo à noite".

A coluna de nuvem e de fogo também é o segredo do cometa, visto no leste ao nascer do sol, durante o dia, e no oeste durante ao anoitecer.

Quando a Terra cruzou a cauda do cometa na segunda vez, choveram pedras meteóricas que foram capturadas pela gravidade do planeta.

“Naquela noite, passarei através do Egito, e ferirei os primogênitos no Egito, tanto os dos homens como os dos animais, e exercerei minha justiça contra todos os deuses do Egito. Eu sou o Senhor (וְעָבַרְתִּי בְאֶרֶץ-מִצְרַיִם, בַּלַּיְלָה הַזֶּה, וְהִכֵּיתִי כָל-בְּכוֹר בְּאֶרֶץ מִצְרַיִם, מֵאָדָם וְעַד-בְּהֵמָה; וּבְכָל-אֱלֹהֵי מִצְרַיִם אֶעֱשֶׂה שְׁפָטִים, אֲנִי יְהוָה)". - Êxodo 12:12

Dai a festividade de "Pessach (Páscoa)" cujo termo vem do hebraico "Passach" significando "Passagem", pois a Terra passou através da cauda do cometa.

O Cometa Halley

Em 1910, após 76 anos, o Cometa Halley se aproximou da Terra novamente. Uma série de notícias a respeito do cianogênio, gás letal presente na cauda do cometa, criou um clima de pânico à escala global.

Cometa Halley em 1910

Curiosamente, o que está na origem de todo o alarido são descobertas científicas fidedignas. Pela primeira vez, os astrónomos identificaram os elementos químicos de um cometa, incluindo os componentes venenosos, e a informação saltou para a imprensa. Houve tentativas de explicar que, mesmo ao aproximar-se mais da Terra - na noite de 18 para 19 de Maio -, o cometa não envenenaria ninguém, não desta vez, pois a o planeta não cruzaria a cauda do cometa...

O cometa chamado de Typhon foi a causa dos milagres e pragas que desceram sobre o Egito, e Moisés sabia a época de sua passagem, pois o segredo estava escrito no “Sipra Raziel ha’Malach - O Livro do Arcanjo Raziel - também chamado de o Livro de Adão, que era o próprio “Cajado de Moisés” que fora talha do de Safira no crepúsculo do sexto dia da criação”.

À medida em que os filhos de Israel viajavam pelo deserto saindo do Egito, o maravilhoso cometa brilhava nos céus. A evidência desse evento celestial está no 4º livro da Torá chamado Bamidbar (Números) no capítulo 33, versículos 4 e 5:

"Enquanto os egípcios enterravam os que o Senhor tinha ferido entre eles, a todo o primogênito, e havendo o Senhor executado juízos também contra os seus deuses. Partiram, pois, os filhos de Israel de Ramessés, e acamparam-se em Sucote.

וּמִצְרַיִם מְקַבְּרִים, אֵת אֲשֶׁר הִכָּה יְהוָה בָּהֶם--כָּל-בְּכוֹר; וּבֵאלֹהֵיהֶם, עָשָׂה יְהוָה שְׁפָטִים. וַיִּסְעוּ בְנֵי-יִשְׂרָאֵל, מֵרַעְמְסֵס; וַיַּחֲנוּ, בְּסֻכֹּת."


Números 33:4,5

Dentro desses dois versículos nós encontramos, codificada, a palavra "SHAVIT (שביט)" que é o hebraico para Cometa, como se pode ver acima na letras marcadas em verde e em caixa alta.


Pretendo explanar mais sobre este assunto e seus mistérios no meu livro "Os Filhos das Estrelas" no qual estou trabalhando.

Fonte: Dr. Immanuel Velikovsky - Mundos em Colisão


C/2012 S1 Ison



O Artesão Da Luz