Projeto Jardim Do Éden

Projeto Jardim Do Éden
A Associação Qabalista Mundial – Gará Kulam Moshav, na voz do seu fundador e presidente Misha´El Yehuda ben Yisrael, lançou, em 2006, o “Projeto Jardim do Éden” cuja intenção era conseguir a doação, empréstimo ou mesmo arrecadar fundos para a compra de um Sitio ou Chácara onde será instalada a sede da sua Comunidade Mística, o Centro Brasileiro de Estudos da Qabalá. Clique na imagem, conheça o projeto e faça uma doação.

EU QUERO ACREDITAR

EU QUERO ACREDITAR
CRIPTO-EVIDÊNCIAS DA PRESENÇA ALIENÍGENA NO PASSADO DA HUMANIDADE

Os Verdadeiros Anunnki

Os Verdadeiros Anunnki
A verdade jamais revelada sobre os Anunnaki

Novo Livro

Novo Livro
Duna - Uma Experiência Verdadeira

Os Ecos De Enoch

Os Ecos De Enoch
Página dedicada à criação online da Obra "Os Ecos De Enoch"

PROGRAMA "OS ARQUIVOS X"

PROGRAMA "OS ARQUIVOS X"
Apresentado entre agosto e novembro de 2015. Clique na imagem!

Faça Uma Tzedaká (Doação)

Faça Uma Tzedaká (Doação)
O Segredo Da Doação

domingo, 17 de setembro de 2017

O Rabino Ancestral


Rabbi D'Qedem
(רַבִּי ד'קֶדֶם)

Na madrugada de 3 de maio de 2008, sonhei que estava em um lugar amplo e me preparando para a Recepção da Shabat (A Shekiná) ao ar livre (era uma chácara) quando alguns judeus chegaram e entre eles estava o rabino que havia feito a minha Brit Milá (Circuncisão) no Hilulá (aniversário de ocultamento) do Leão Sagrado, o meu mestre , o Rabino Isaac Lúria.

O Rabino me instruiu a levar o Aron ha'Qodesh (Armário Sagrado onde se guarda o Rolo da Torah) de volta para dentro da casa, pois eu o havia levado para fora para o Ritual.

Dentro da Casa, eu me coloquei na frente do Aron e foi então que notei que nele estava escrito a palavra Tzadiq (צדיק) que é o termo para uma pessoa Santa na QABALÁH. Acordei e anotei o sonho.

Este dia fora o Hilula do Rabbi Hayim Vital no calendário Juliano vigente no século dezesseis. Em agosto eu publiquei a primeira versão em PDF do meu Livro "Guilgulim - A Roda das Reencarnações" com dez capítulos do Sha'ar ha'Guilgulim (Portão Das Reencarnações) que eu havia traduzido cujo autor fora o Rabino Hayim Vital.

Um ano depois, na madrugada de 2 de maio se 2009 durante meu sonho, uma das minhas tias chamada Zazá (זָזָא) falava comigo e me dizia que, na antiguidade havia tido um Rabino na nossa família e ela me mostrava um documento e nele estava escrito "Rabbi D'Qedem (רַבִּי ד'קֶדֶם).

Lembranças De Outras Vidas

Todos os eventos nesta minha vida foram milagres e os maiores se deram em 1996 quando sonhei e acordei cantando o Má Tovú (מַה-טֹּבוּ אֹהָלֶיךָ, יַעֲקֹב; מִשְׁכְּנֹתֶיךָ, יִשְׂרָאֵל) - o Sagrado Nome de 26 Letras - nem nunca antes ter ouvido hebraico e principalmente estudado a língua sagrada e em 2014 quando meu Despertar aconteceu.

A gematria Mispar Hechrachi também conhecida por Mispar ha'Panim que é o cálculo do valor normativo de Rabbi D'Qedem (רַבִּי ד'קֶדֶם) é 360 e esta  é a mesma de "ha'Ari qodêm (הארי קֹדֶם)" cuja a tradução é "anteriormente o Ari (Elohei Rabbi Yitzchak)" o que seria o mesmo que dizer "anteriormente, ele foi o Ari".

Qodêm (קֹדֶם) também pode ser traduzido como "Ele tinha vindo antes (em outra reencarnação)" e também "Em tempos antigos, num passado distante".

Existe uma expressão em QABALÁH usada para como referência a uma reencarnação anterior de uma pessoa que é "Guilgul Qodêm (גִּלְגּוּל קֹדֶם)". A gematria de Guilgul Qodêm é 216 que é a mesma de ha'Ari.

Recebendo Instrução Da Alma

Por que minha tia Zazá (זָזָא) foi quem veio no sonho para me revelar o segredo? O nome da minha tia, é um nome hebraico e significa "clarear" e podemos compreender como "revelar".

A gematria Mispar Kadmi (soma do valor da letra com as letras anteriores a ela) de Rabbi D'Qedem é 1613 Que neste evento se refere ao ano de 1613 que foi correspondente ao ano hebraico de 5373, ano no qual o Rabino Hayim Vital publicou o seu Sha'ar ha'Guilgulim  (Portão Das Reencarnações) e não apenas isto. A 5373 letra da Torah ê a letra Guimel (ג) na palavra "heragô" no Genesis 4 versículo 25, onde diz "heragô Kayin (o assassinou Kayin)" se referindo a Abel. A partir desta letra Guimel de "heragô (הֲרָגוֹ)" de três em três letras está codificada a palavra "Guilgul (גִּילְגּוּל) - Reencarnação".

כִּי הֲרָגוֹ קָיִן. כו וּלְשֵׁת גַּם-הוּא יֻלַּד
גִּילְגּוּל

Minha alma me instruiu através dos sonhos para que eu me recordasse das minhas reencarnações anteriores e este é o significado de "Conhecer a si mesmo" e de "Estar Desperto".

Finalmente, a gematria Avgad de Rabbi D'Qedem, que é método que substitui cada letra pela anterior é 583, o número na parede do meu quarto e que é o exato valor de Rav Misha'Ël (רַב מִישָׁאֵל), ou seja, Rabino Misha'Ël.

Em 2001, no dia 23 de abril, assinei o contrato de aluguel da casa número 583 na Rua Gastão Vidigal, na Vila Amorim em Suzano, que se tornaria a sede da nossa K'nesset Eliahu (Sinagoga do Profeta Elias). O contrato foi firmado por 30 meses com vencimento no dia 23 de outubro de 2003. Eu nada sabia sobre mim e nem sobre minhas reencarnações anteriores. Me lembro até hoje da voz da secretária da Imobiliária Concept quando me disse que a vigência do contrato seria de 23 de abril de 2001 a 23 de outubro de 2003. Não fui eu quem escolhi as datas. Foi a Providência Divina. E qual o segredo?

O maior e principal discípulo do Ari'zl (Rabino Isaac Lúria, de abençoada lembrança) foi o Rabino Hayim Vital que nasceu em Safed no dia 23 de outubro de 1542 e faleceu em Damasco na Síria no dia 23 de abril de 1620. O Rabino Hayim frequentava a sinagoga do seu mestre chamada "K'nesset Eliahu Ha'Navi (Sinagoga do Profeta Elias)".

O aviso de vencimento do Contrato de aluguel


É há outro sonho no qual outra alma, outra centelha e reencarnação me foram reveladas, mas esta e uma outra história.

"O que já foi voltará a ser, e o que feito será repetido, e nada há de novo sob o sol. Há fatos perante os quais alguém poderá dizer: "Veja, trata-se de algo novo!" Isto, porém, já ocorrera nos tempos passados (מַה-שֶּׁהָיָה, הוּא שֶׁיִּהְיֶה, וּמַה-שֶּׁנַּעֲשָׂה, הוּא שֶׁיֵּעָשֶׂה; וְאֵין כָּל-חָדָשׁ, תַּחַת הַשָּׁמֶשׁ. י יֵשׁ דָּבָר שֶׁיֹּאמַר רְאֵה-זֶה, חָדָשׁ הוּא: כְּבָר הָיָה לְעֹלָמִים, אֲשֶׁר הָיָה מִלְּפָנֵנוּ.)".

Qohelet 1: 9 & 10


Autor
Deepak Sankara Veda​
"Ben Mähren Qadësh".


O Artesão Da Luz