Curso: Manifestações Ufológicas EM Código Secreto Na Bíblia

Curso: Manifestações Ufológicas EM Código Secreto Na Bíblia
O Velho Testamento bíblico e outras partes do livro sagrado estão repletos de alusões a avistamentos ufológicos e contatos com seres extraterrestres, como se verá neste curso, que dá continuidade ao ministrado pelo mesmo professor no ano de 2020. Há até mesmo ocorrências de abduções alienígenas nele descritas com clareza, como a do profeta Elias, que foi levado aos céus. Se lida com uma ótica moderna e interpretada com conhecimentos ufológicos, na Bíblia, principalmente em sua versão hebraica, há ainda inúmeras outras menções a situações inusitadas apresentadas em um código próprio, que hoje é estudado pela chamada Ufocriptologia, que o curso ministrado pelo rabino Misha’ Ël Há’ Levi, como também é conhecido Paulo Sergio Batalini, abordará. Clique na imagem para mais informações.

EU QUERO ACREDITAR

EU QUERO ACREDITAR
CRIPTO-EVIDÊNCIAS DA PRESENÇA ALIENÍGENA NO PASSADO DA HUMANIDADE

Os Verdadeiros Anunnki

Os Verdadeiros Anunnki
A verdade jamais revelada sobre os Anunnaki

Novo Livro

Novo Livro
Duna - Uma Experiência Verdadeira

Os Ecos De Enoch

Os Ecos De Enoch
Página dedicada à criação online da Obra "Os Ecos De Enoch"

PROGRAMA "OS ARQUIVOS X"

PROGRAMA "OS ARQUIVOS X"
Apresentado entre agosto e novembro de 2015. Clique na imagem!

Faça Uma Tzedaká (Doação)

Faça Uma Tzedaká (Doação)
O Segredo Da Doação

sábado, 21 de janeiro de 2012

O Zohar & A Bomba Atômica



O Zohar sagrado é uma ferramente espiritual, metafísica sem precedentes na história da humanidade. Em suas páginas nós encontramos os mais profundos mistérios, como conceitos da "mecânica quântica" e a "física nuclear". A astronomia também está codificada nas páginas do Zohar e assim, a criação e a detonação da bomba atômica em Horishima no Japão. 

Como decodifiquei este segredo das páginas do Zohar Santo? Primeiro, devo contar-lhe como este mistério me começou a ser revelado: Estavamos reunidos na Chácara Serpa nos dias 9, 10 e 11 de Dezembro, num maravilhoso retiro místico intitulado "D.U.N.A II (Da'at U'nistar Ha'Torah)". Creio que foi em shabath que nos sentamos à tarde para recitarmos o Zohar. Abri, então na página 203 "Revelações sobre o Messias - O ninho do pássaro". O trecho diz:

"Durante o tempo em que Israel for castigado, com todas as nações e reis em aliança contra ele, quando ele for oprimido por um mal depois do outro, cada novo mal tão terrível a ponto de fazê-lo esquecer o último, então uma "coluna de fogo" estendendo-se da terra ao céu se fará visível a todos os povos da terra...".

O segredo sobre este trecho do Zohar e sobre todos estes males que se abateriam sobre Israel começa de fato no ano 66 quando o Templo Santo foi destruído e o General Tito sitiou e destruiu Jerusalém e milhares de israelitas. Israel aqui neste trecho do Zohar não está aludindo ao Estado Sionista de Israel criado em 1948 pela Érev Rav (multidão mista) mas aos israelitas, israel como um povo, incluindo os israelitas do exílio que não podem ser reconhecidos e nem contados a não ser pela alma do messias e pelo profeta Elias. Portanto, todo senso feito para contar quantos "judeus" existem no mundo é falso e é contra a Torah, pois Hashem proibiu-nos de contar o povo. Outra é que não existe menção a um "povo judeu" na Torah e sim "hebreus/israelitas". O Judaísmo é uma criação da Érev Rav.

Em outro trecho, o Zohar diz:

"No ano 66 o Messias surgirá na Galiléia, e ele é chamado "Mashiach ben Iosef (Messias filho de José)" e aparecerá conseqüentemente na Galiléia".

Enquanto liamos juntos o Zohar no shabath dia 10 durante o nosso retiro, o mistério foi-nos aberto instantaneamente, chocados que ficamos, nos detivemos de continuar a leitura por alguns segundos, procurando absorver a revelação.

Depois do retiro, passei dias meditando sobre aquele trecho procurando penetrar ainda mais os seus mistérios e foi então que, no dia 17 de Janeiro, penetrei-o e o mistério deu nascimento ao vídeo "O Legado de Oppenheimer" que você poderá assistir no final deste artigo.

Decodificando O Segredo

O número 66 alude sempre a Sefirá (Esfera) de Malchut na Árvore das Vidas que é a Merkavá do Rei David e corresponde à Shemitá que é o Ano Sabático, isto, porque 66 é gimatria de "ben David". A gimatria de "Mashich ben Iosef (משיח בן יוסף)" é 566. Gimatria é o cálculo do valor numérico atribuído a cada letra hebraica.

"... uma coluna de fogo surgirá da terra ao céu..." - veja que o Zohar não diz "do céu a terra" mas "da terra ao céu". Não por acaso, 566 é a mesma gimatria (valor numérico) do nome da cidade japonesa sobre a qual foi detonada a primeira bomba atômica: Hiroshima!

הרושימה
Hiroshima
=566

O valor 566 é também o mesmo da frase "לעת אטומי Le'êt Atomi" que significa "Era Atômica" e "סתם אטומי - Satom Atomi" cujo significado é "Segredo Atômico". O termo hebraico "אטומי Atomi" resulta no valor numérico 66 em gimatria. Acaso? 1945, o ano em que foi criada e detonada a primeira arma de destruição em massa, foi um ano sabático. A palavra "Ano" vem do hebraico Shaná (שנה) cuja gimatria é 355 e esta por sua vez é a mesma do termo "Sefirá (ספירה)". Messias alude a "consciência elevada" e não especificamente a uma pessoa que ira salvar o mundo. A merkavá (carruagem divina) de "Mashiach ben Yosef" é a sefirá de yesod que é o "Salão dos Mistérios". O termo "coluna de fogo" vem do hebraico "Amud ha'Êsh" cuja gimatria é 426 e é também a gimatria de "be'iom chamishi ביום חמישי" que é o hebraico para "quinta-feira".

Relendo o Zohar utilizando-nos destes métodos, nos encontramos: "Na sefiráh 66, no ano sabático, o messias surgirá revelando um mistério e ele é chamado "Era Atômica". Na quinta feira uma coluna de fogo surgirá da terra ao céu e todos os povos verão...".

Shanáh
Ivri
Sefirot
Mazal
Idade
1939
5699
Chessed
Áries/Libra
1
1940
5700
Guevurá
Touro/Escorpião
2
1941
5701
Tiféret
Gêmeos/Sagitário
3
1942
5702
Netzach
Câncer/Capricórnio
4
1943
5703
Hod
Leão/Aquário
5
1944
5704
Yesod
Virgem/Peixes
6
1945
5705
Malchut
-
7


De acordo com a tabela acima, que crei para ilustrar este artigo, o ano de 1945 foi "malchut" na Árvore das Vidas" e portanto "Ano Sabático".


O primeiro teste nuclear foi realizado na madrugada do dia 16 de Julho de 1945 e este dia foi equivalente no luach hebreu ao dia 6 de Av de 5705, dia este de alta importancia para os qabalistas do mundo inteiro, pois é a data posterior ao aniversário de ocultamenta do Rabi Isaac Lúria que na época dele foi uma reencarnação do messias (Mashiach ben David).

A detonação da bomba na cidade de Hiroshima foi na terça-feira dia 6 de Agosto de 1945 e na quinta-feira dia 9 de Agosto de 1945 na cidade de Nagazaki. D´us! Isto é impressionante!

"TODOS OS SEGREDOS DO UNIVERSO ESTÃO CODIFICADOS NO ZOHAR SAGRADO!".

E ainda há mais... A palavra para "Segredo" em hebraico é "Sod" cujo valor numérico é 70. Robert Oppenheimer foi o diretor do "Projeto Manhathan" que criou a bomba atômica. Veja como o zohar é maravilhosamente impressionante.

 אטמי רוברט אופנהיימר
Atômico de Robert Oppenheimer
=879

O trecho do Zohar que liamos no retiro começava com "Durante o tempo em que israel for castigado...", e você se lembra que revelei que este tempo começou em 66 quando o Templo Sagrado foi destruido. Como expliquei acima 66 é uma alusão a Sefira de Malchut que é a carruagem divina de "Mashiach ben David (Messias filho de Davi)" cuja gimatria é 424 e por sua vez uma alusão ao nosso planeta. Hiroshima pode ser escrito no hebraico moderno com um "yud (הירושימה)" a mais somando assim 576 ao invés de 566. Então...

אטמי רוברט אופנהיימר
Atômico de Robert Oppenheimer
=879
+
66+424+576=1945


1945 foi o ano em que o Projeto Manhathan testou e detonou em Hiroshima o primeiro artefato atômico na da era moderna, mas não foi o primeiro na historia da humanidade. Mas este é outro assunto...

Agora, assista ao vídeo "O Legado de Oppenheimer" e você agora poderá entedê-lo melhor, com uma consciência mais elevada. Não esqueça de desativar o player de música no final da página para poder ver o vídeo com clareza.


O Legado de Oppenheimer



Números & Evidências

De acordo com a cidade de Hiroshima, a 6 de Agosto de 2005, o número total de mortos entre as vítimas do bombardeamento era de 242.437.[16] Esse valor inclui todas as pessoas que estavam na cidade quando a bomba explodiu, ou que foram, mais tarde, expostas aos escombros nucleares e, consequentemente, morreram.

Estes números são de alta importancia, pois revelam-se como evidencias deste terrível mistério escondido no Zohar Santo.

Em gimatria hebraica o número 242 é o valor do nome Zechariah זכריה ou em português "Zacarias". Este mesmo valor também é o mesmo para a frase Raz Yochai רז יוחאי cujo significado é "Mistério de Yochai (Rabi Shimeon bar Yochai)" que é o autor do Zohar Sagrado. Os números restantes 437 quando somados entre si resultam em 14 (4+3+7=14). Bem, o o que tem isto? Outro segredo aterrador:


Zacarias 14:12
"E esta será a praga com que o SENHOR ferirá a todos os povos que guerrearam contra Jerusalém: a sua carne apodrecerá, estando eles em pé, e lhes apodrecerão os olhos nas suas órbitas, e a língua lhes apodrecerá na sua boca".

Mas 437 é também a gimatria de סדום ועמורה - SODOMA E GOMORRA! Isto é assutador, pois sabemos que Sodoma e Gomorra foram destruídas numa também semelhante "explosão nuclear", foram queimadas por felo fogo do Arcanjo Gavri'ël.


"Nunca esquecerei esse momento. Pouco depois das 8 da manhã, houve um estrondo, uma explosão reverberante e, no mesmo instante, um clarão de luz amarelo-alaranjado entrou pelo vidro do telhado. Ficou tudo tão escuro como noite. Um golpe de vento atirou-me no ar e a seguir no chão, contra as pedras. A dor estava apenas brotando quando o prédio começou a ruir em torno de mim.
 Aos poucos o ar se aclarou e eu consegui sair dos destroços. No caminho para um dos centros de emergência vi muita confusão. As ruas estavam tão quentes que queimavam meus pés. Casas ardiam, os trilhos de bonde irradiavam uma luz sinistra e no local de um templo pessoas se amontoavam. Algumas respiravam, a maioria estava imóvel. No pronto-socorro chegava gente correndo, as roupas rasgadas, chorando, gritando. Alguns tinham o rosto ensanguentado e inchado, outros tinham a pele queimada caindo aos frangalhos de seus braços e pernas. Em um bonde vi fileiras de esqueletos brancos. Havia também os ossos de pessoas que tentaram fugir. Hiroshima tinha se tornado num verdadeiro inferno." - Depoimento de Sumie Kuramoto de 16 anos que sobreviveu á detonação atômica. 

Continuará...

quinta-feira, 12 de janeiro de 2012

O Incrível Hulk & Os Segredos Da Ira


"Dr. David Banner, Médico / Cientista, procurando uma maneira de explorar as forças ocultas que todos os seres humanos têm. Então, uma overdose acidental de radiação gama interage com sua química corporal única. E agora, quando David Banner fica zangado ou indignado, ocorre uma metamorfose surpreendente."

Citação Da Série

Era sexta à noite, 10 de março de 1978. Eu aguardava sentado no chão da sala do meu amigo e vizinho Wilson, para assistirmos juntos a estreia de O Incrível Hulk, na Primeira Exibição, na tevê Globo. Isso, porque, mamãe não tinha deixado eu assistir em casa, pois ela iria ver outro programa no nosso televisor Syller preto e branco. O aparelho do meu amigo, era, creio pelas minhas vagas lembranças, um televisor Philco Directa, que tinha um vidro na frente do tudo que dava a impressão de ser colorido. Essa é, certamente, uma lembrança boa e importante.



Eu acredito, ainda hoje, que o piloto da série de tevê, é muito melhor, do que o Hulk desenvolvido pelo MCU (Marvell Comics Universe) atual.

OS SEGREDOS DA IRA

Está escrito no Zohar (escrito há 2.000 anos): “Afastai-vos do homem cuja respiração está em sua narina. Pois em que ele ´estimado?”.


חִדְלוּ לָכֶם מִן-הָאָדָם, אֲשֶׁר נְשָׁמָה בְּאַפּוֹ: כִּי-בַמֶּה נֶחְשָׁב, הוּא.
Isaías  2,22



A principio, para aqueles que não são os iniciados na Sabedoria Mística Universal (Qabaláh), e nem trilham pelo "sendero luminoso (o Zohar)", isto poderá parecer uma tolice, uma vez que todos “respiram pelo nariz”. Mas, para o iniciado, e que conhece os segredos dos códigos hebreus criptografádos na Toráh (O Pentateuco), o verso, claro, esconde um mistério, e este é sobre a Ira.



O termo hebreu para “Nariz (narina)” é “AF” e que também significa Ira. Por exemplo, na Toráh diz: “E acendeu-se a Ira de D´us contra Isra´El”. Em hebreu o verso é “Vai´char “AF” Adonai le´Isra´El". No verso de Isaías é usado "neshamá be'afô (נְשָׁמָה בְּאַפּוֹ)" que se traduz "alma pela sua ira" e em outras palavras "afastai-vos do humano que conduz a alma pela sua ira".



A estrutura metafísica que compreende a alma tem cinco nomes: Nefesh, ruach, neshamá, chayá e yechidá. A maioria das pessoas apenas possuem uma nefesh.

Está escrito no Zohar, que quando alguém se ira, causa com que sua “Alma Divina (neshamá)” quando ele a possui seja expulsa de seu corpo, e é por este motivo que quando alguém se ira ao extremo, sente um profundo vazio em seguida. O “vazio” é porque sua “alma” foi exilada. Está faltando algo agora. Quando isto acontece, o corpo permanece como residência apenas da “Alma Animal”, que era somente o que os “Neandertais” possuíam no principio, e é ai onde entra a “Criatura” o “Incrível Hulk”. Devemos ter em mente que a personagem foi criada por um “Judeu (Stan Lee)”, que criptografou nela alguns segredos sobre a ira. Existe também a questão dos gritos. Quanto mais irados estivermos, mas alto queremos gritar e em nossa débil consciência, acreditamos estar gritando com aquela pessoa a quem atribuímos erroneamente a causa da nossa ira. Nós estamos gritando na verdade para nossa "neshamá (a alma divina)" que está longe agora. Esta regra do guilgul também se aplica àquele que só possui uma nefesh e, causando ele o exílio da sua alma, uma outra vem e toma o seu lugar.




David Bruce Banner


O nome do cientista que é transformado na criatura é “Bruce Banner”, sendo que “Bruce” é de origem hebraica (Baruch), e significa “Bendito” uma referencia ao “Ruach” de uma pessoa e que é o seu "espírito" e que é chamado de "Rúach ha'Tóv (Espírito do Bem) e “Banner” do inglês (Bandeira, estandarte), mas que na verdade é uma alusão a “Banish” que significa “Banido/desterrado/exilado” e alude à "Neshamá" após ter sido exilada devido à ira.


Quando o Zohar diz "Afastai-vos do homem "irado"" este é o segredo do "Ruach (o espírito)" que na Árvore das Vidas é o plano de Yetzirá (o mundo da formação) no qual estão atadas as três principais "middot (emoções)" que são: Serenidade, raiva e equilíbrio.








O "homem irado" alude ao segredo interno do "ruach (espírito)" em desequilíbrio, tendo saído do domínio do "pilar central (tiféret)" tomando o caminho da esquerda que é guevurá e que é a severidade. A ira cresce no interior convidando a nefesh (alma animal) a liberar o "yetzer ha'rá (má inclinação)". Como resultado a "neshamá (alma divina)" que é pura não pode estar mais atada (como num casamento) ao seu marido, o ruach e é então divorciada e forçada a abandonar a sua casa. O casamento do "ruach" com a "nefesh" e a "neshamá" é o segredo das duas gêmeas que são a "gêmea da oposição (a nefesh)" e a "gêmea do auxílio (a neshamá)".


EXILANDO A PRÓPRIA ALMA

Voltando à David Bruce Banner, em Sha'ar Ha'Gilgulim (Portão das Reencarnações) descobrimos um segredo sobre o banimento da alma de uma pessoa. Vejamos:


Nosso amado “David Hamélech” cometeu um pecado que gerou muitas “conseqüências negativas” para sua “estrutura metafísica”. Esta estrutura era composta de cinco partes como todas as outras: néfesh, rúach, Neshamá. A néfesh, o rúach e a Neshamá do rei David, possuíam cada uma o seu próprio nome: Avshalom á néfesh, Amnon ao rúach e Tamar a Neshamá.

Nos conhecemos a narrativa do Tana´k em que, Amnon, o meio irmão de Avshalom, planejou e consolidou “violentar” a irmã de Avshalom, Tamar, e como Avshalom planejou e consolidou o assassínio de Amnon. Isto na verdade era uma conseqüência do pecado de David, assim como o assassinio de Hevel (Abel) por seu irmão Kain foi uma conseqüência do pecado do pai deles, Adam. O resultado final disto foi que, Avshalom, que corresponde à néfesh do Rei David, foi banido, e não pode retornar até que o próprio Rei clamasse a D´us por isto. Vamos ver o texto da bíblia para termos uma idéia mais clara sobre o assunto:

“Tinha Absalão, filho de David, uma formosa irmã, cujo nome era Tamar. Amnon, filho de David, se enamorou dela”.

2º Samuel 13:1

Só para fazermos uma comparação, e aprendermos que o termo “irmã” se refere à alma (neshamá), vamos até os “santos dos santos (cântico dos cânticos)” que é uma das “cinco meguilot” que tratam dos segredos da reencarnação.

“Quão belo é o teu amor, ó minha irmã, noiva minha! Quanto melhor é o teu amor do que o vinho, e o aroma dos teus ungüentos do que toda a sorte de especiarias!”

Shir HaShirm 4:10

O Rei Salomão se refere à alma como “Minha Irmã”, e isto nos ajuda a compreender a cerca dos acontecimentos citados acima.

Há um texto bastante enigmático a seguir, onde Joabe “arma” um plano para que o rei David peça pelo retorno da sua néfesh, levando até David uma mulher que tinha por missão demover a mente do rei para trazer Avshalom de volta. Vejamos:

“Prosseguiu a mulher: Por que pensas tu doutro modo contra o povo de D´us? Pois, em pronunciando o rei esse juízo, condena-se a si mesmo, visto que não quer fazer voltar o seu desterrado”.

2º Samuel 14:13)

E o texto prossegue enigmaticamente com a resposta à pergunta inicial que fizemos: É necessário morrer?. Vejamos:

“Por que temos de morrer? E sermos como águas derramadas na terra que na não se podem juntar? Pois D´us não tira a vida, mas cogita meios para que o banido não permaneça arrojado de sua presença

2º Samuel 14:14

Então vemos o Rei David perdoar Avshalom e fazê-lo retornar à convivência dele no palácio real, conforme está escrito: 

“Então o rei disse a Joabe: Atendi ao teu pedido; vai, pois e traze o jovem Absalão”.

2º Samuel 14:21


ALIMENTAÇÃO


Aqueles que possuem problemas com a ira não devem comer carne vermelha durante a semana, pois a carne está à esquerda e ligada ao atributo divino da severidade que é a sefirá de guevurá.  Os que não podem controlar sua ira não devem comer carne, pois ao fazê-lo, fortalecem em si mesmo o atributo da ira. Para estas pessoas, o melhor dia para comerem carne é o shabath, pois no neste dia a ira não tem domínio e a ingestão de carne apropriada (kasher) e devidamente elevada através da recitação da brachá (benção) certa, não causara dano á pessoa.



Quando Bruce Banner se ira, ele se transforma, causa o banimento da sua “Alma Divina” e portando ele se torna como um “Neandertal” um “Golem” que só possui um nível de alma, a nefesh que é chamada “criatura”.

No código do Tanach, dentro do capítulo no qual este segredo sobre a ira se encontra, eu descobri, codificado, o nome BANNER e conectado a ele o verso já aqui citado.




"Então ele deve deixar o mundo continuar pensando que ele também está morto, até que ele possa encontrar uma maneira de controlar o espírito furioso que habita dentro dele."


Citação Da Série




A série estreou no Brasil na noite de sexta-feira, 10 de março de 1978 e, como nos baseamos no fuso horário de Israel, já era então, madrugada do dia 11 de março, a 70º madrugada do ano, restando para o fim do calendário solar 295 dias, valor este que contém a gematria da expressão aramaica-hebraica "Arazá ha'Aff (ארזא ה'אף)" que literalmente se traduz para "O mistério da narina" mas que se deve compreender como "O mistério da ira." O dia 11 de março é, como mencionado acima, o 70º dia no ano solar e este valor contém a gematria do termo hebraico "SÓD (סוֹד)" e significa "Segredo" e como estamos falando da estreia de "O Incrível Hulk" e somando ao "Mistério da Ira" nos temos "Sód: Arazá ha'Aff (סוֹד: ארזא ה'אף) - Segredo: O Mistério da Ira."

Claro, você já deve ter ouvindo um nordestino irado expressar o famoso jargão brasileiro-nordestino "AFF!". Compreendeu agora?

"Nenhum agravo sobrevirá ao justo, mas os ímpios ficam cheios de mal."

לֹא-יְאֻנֶּה לַצַּדִּיק כָּל-אָוֶן;    וּרְשָׁעִים, מָלְאוּ רָע.
האלק

Provérbios 12:21


" - Você sabe o que mais me assusta? Quando isso acontece, quando isto vem e me domina ... e eu perco totalmente o controle, eu gosto."

- Bruce Banner

sexta-feira, 6 de janeiro de 2012

Havdalá: Protegendo-se da Hora do Espanto



Assim que o dia de shabath é santificado, enfraquece o poder do mal e ele se retira escondendo-se durante toda a noite e o dia de shabat, com exceção do ASIMON e o seu grupo, que permanecem para espiar as relações indecentes e depois se escondem nas cavernas do grande abismo. Assim que termina o shabat, os inúmeros exércitos e suas hostes começam a voar e a vagar de um lugar para outro no mundo, tentando evitar que seja instituída a recitação do hino contra calamidades (Salmo 91), ou seja, para destruir seu poder sobre o povo santo.

Quando depois de tentar obter o domínio sobre eles, e vêem que o povo santo está envolvido em orações, hinos e recitação da "separação (Havdalah)” durante a oração e, em seguida, no copo (recitação da 4º benção), eles então voam e começam a vagar até chegar ao deserto. Que o Misericordioso nos salve do poder do mal! Umen

Nossos Mestres, de saudosa memória, nos ensinaram: Existem três tipos de pessoas que trazem o mal sobre si mesmas:

Uma delas é a pessoa que pronuncia uma maldição sobre si mesma. A segunda é a que joga fora pedaços de pão do tamanho de uma azeitona, e a terceira é a pessoa que acende sua vela no fim do shabat, antes da congregação tem chegado a recitação de santificação (benção hamavdil) no final do serviço da separação.

Considerações Importantes

É impressionante o número de pessoas que comparecem nos shabatot em suas Qehilot, e quase nunca participam do Havdalá no dia seguinte ou sequer o realizam em suas próprias casas. Eles consideram o "Ritual da Separação" dispensável por desconhecerem a sua importância e o seu poder, e por isto, a maioria destas pessoas são assoladas por shedim, dibuckim. Eu já recebi pedido de ajuda de famílias tradicionais judaicas cujos membros estavam sofrendo assédios e possessão por demônios. Ao averiguar, notamos que não existe a presença do Zohar naquele lar e nem mesmo respeito e amor pelos rituais místicos da Torah. É certo então, que não podem reclamar por estarem sofrendo...

quarta-feira, 4 de janeiro de 2012

Serão Todos Seres Humanos?




"Nós peneiramos pessoas para encontrarmos seres humanos".

Citação de Duna de Frank Herbert - página 20 (Editora nova fronteira) 

Nós aprendemos com os livros antigos da Sabedoria que, quando Adão exilou-se do Gan Éden, D´us lhe ensinou como fazer "roupagens" para se vestir apropriadamente em cada mundo onde ele residiu antes de vir para a terra. Assim, Adão aprendeu a fazer para si e sua esposa "vestes humanas" que lhes dariam condições de viverem neste mundo.

Da mesma forma os anjos quando descem a este nosso mundo, vestem-se como os daqui, para que possam sobreviver e para ocultar suas belezas angelicais, pois o mundo não as poderia suportar. Assim, os demônios também utilizam-se de "vestimentas humanas" para entrarem neste mundo.

O significado disto? Nem todos os que caminham como seres humanos são de fato seres humanos, ou você acredita mesmo que Hitler, Stalin, Mussolini eram, foram seres humanos? Você acredita mesmo que George W. Bush é um ser humano? Maniaco do parque, Chico picadinho, Pedrinho matador, Bandido da luz vermelha e outros eram e são seres humanos?

 A pergunta é: Como estas criaturas das trevas ganham "vestimentas" para subirem ao nosso mundo? O Zohar revela que, quando uma mulher esta destinada a um homem e vem o destruidor e a desvia do seu destino, e encontrando outro para quem ela não estava destinada, eles terão filhos os quais nunca deveriam ter tido, filhos que somente trarão dor, sofrimento e destruição ao mundo.

 Você acha que o sujeito que arrastou o garoto João Hélio com o carro por tantos quilômetros é um ser humano? Think about this (Reflita sobre isto)"

os genitores destas criaturas monstruosas ocultam-se atra´s da religião e seus dogmas e acusam tudo e a todos ao invés de si mesmos por haverem criado a oportunidade para que estas criaturas das trevas se manifestassem em nosso mundo.

Mas veja: CADA CASO É UM CASO E TODOS CARECEM DE SEREM INVESTIGADOS, POIS HÁ CAMADAS E CAMADAS DE MISTÉRIOS!

É comum ouvir tais genitores dizendo: "Nós colocamos os filhos no mundo mas não sabemos no que eles vão se tornar. Deus é que sabe...".

Na antiguidade, na época da Sabedoria, do hebraísmo místico, quando ainda não havia o judaísmo, o povo caminhava com a Sabedoria e sabiam como geram filhos justos e até mesmo conheciam os segredos de como escolher o sexo do bebê antes da concepção.

Hoje, a maioria acredita que, por causa da "religião" que professam seus filhos são justos. Eles dizem: "Ah, nós cremos em Jesus nesta casa! Jesus é o senhor da minha casa!". Dizem estas coisas acreditando que seus filhos nascerão justos devido a fé (dogma e não emuná) nas suas religiões.

Muitos monstros assassinos foram filhos de pais altamente religiosos. Pesquise e descubra por si mesmo. 

A única coisa que pode nos salvar de produzirmos vestimentas para que demônios venham ao nosso mundo, é aceitar a Torah e sua Sabedoria (não o dogma judaico) e estudarmos os mistérios e compreendê-los, para que, no momento de gerarmos filhos, tenhamos conhecimento para fazer isto. Reflita sobre este artigo!

Shlamá Rabá (Paz Elevada)

Conheça mais sobre estes mistérios, adquira o Livro

O Artesão Da Luz