Curso: Manifestações Ufológicas EM Código Secreto Na Bíblia

Curso: Manifestações Ufológicas EM Código Secreto Na Bíblia
O Velho Testamento bíblico e outras partes do livro sagrado estão repletos de alusões a avistamentos ufológicos e contatos com seres extraterrestres, como se verá neste curso, que dá continuidade ao ministrado pelo mesmo professor no ano de 2020. Há até mesmo ocorrências de abduções alienígenas nele descritas com clareza, como a do profeta Elias, que foi levado aos céus. Se lida com uma ótica moderna e interpretada com conhecimentos ufológicos, na Bíblia, principalmente em sua versão hebraica, há ainda inúmeras outras menções a situações inusitadas apresentadas em um código próprio, que hoje é estudado pela chamada Ufocriptologia, que o curso ministrado pelo rabino Misha’ Ël Há’ Levi, como também é conhecido Paulo Sergio Batalini, abordará. Clique na imagem para mais informações.

EU QUERO ACREDITAR

EU QUERO ACREDITAR
CRIPTO-EVIDÊNCIAS DA PRESENÇA ALIENÍGENA NO PASSADO DA HUMANIDADE

Os Verdadeiros Anunnki

Os Verdadeiros Anunnki
A verdade jamais revelada sobre os Anunnaki

Novo Livro

Novo Livro
Duna - Uma Experiência Verdadeira

Os Ecos De Enoch

Os Ecos De Enoch
Página dedicada à criação online da Obra "Os Ecos De Enoch"

PROGRAMA "OS ARQUIVOS X"

PROGRAMA "OS ARQUIVOS X"
Apresentado entre agosto e novembro de 2015. Clique na imagem!

Faça Uma Tzedaká (Doação)

Faça Uma Tzedaká (Doação)
O Segredo Da Doação

quarta-feira, 24 de junho de 2015

O Templo De Asmodeus


Quem seria tão petulante no desejo de construir uma cópia em menor escala do Beit ha'Miqdash (O Templo de Salomão)? Quem seria tão arrogante e zombeteiro para empreender em solo não sagrado tamanha afronta? Certamente não seria um homem, pois um homem comum não teria poder para tal. Quem seria capaz então de zombar do Sagrado edificando uma cópia imperfeita de Sua casa sem sua permissão?

ASMODEUS
O Rei Dos Demônios
אַשְׁמְודַאי מלך השדים


Representação De Asmodeus

Quando a noticia de que o Bispo Edir Macedo (בישופ אדיר מאסדו) iria edificar em São Paulo, uma cópia do Beit Ha'Miqdash (בית המקדש) - O Templo De Salomão - logo escrevi e publiquei um artigo explicando porque jamais tal obra poderia ser chamada de "Templo de Salomão".  Abaixo no link você será direcionado para este artigo publicado em 27 de Agosto de 2010.


Ontem (23 de Junho de 2015) pela manhã, durante minhas kavann'Ot (Meditações), a Centelha do Mestre Chaim Vital em mim retirou o véu e me revelou a verdadeira identidade do construtor e dono do chamado "Templo De Salomão".

Quando a Centelha do Sagrado em mim desvelou este mistério, trouxe com a revelação as evidências também. Na matrix do Código estão escritas as evidências.

Os "Mequbalim (QABALISTAS)" existem para desvendar os mistérios, revelar a Sabedoria e arrancar o povo da escuridão da ignorância e do engano. Quando nos opomos a eles, nos opomos à Centelha do Divino em nós mesmos, criamos rebelião, motim, e a insurreição leva à morte. Agora, não é todo o que se diz "Cabalista" que o é realmente, e vocês estudantes devem conhecer os atributos das almas das Centelhas dos 70 que Moisés instruiu para que não se façam enganar pelos "cambistas da sabedoria". Se você não conhece os atributos divinos das almas dos mestres antigos, se deixará certamente enganar, e não há desculpas para aquele que se faz enganar.

O Demônio

Ashmodai (também conhecido como Asmodeus) é muitas vezes chamado de o rei dos demônios, muitos dos quais estudam Torah, e não prejudicariam um erudito que estuda a Torah! Diz-se que o próprio Ashmodai ascende ao Céus para estudar. Ele também parece ter senso de humor. Há um número de histórias acerca dele e de como o Rei Salomão o consultava e de como, certa vez, ele expulsou Salomão do trono e assumiu à sua aparência, até que Salomão voltou e o expulsou novamente.

Quando Shlomô Ha'Melech (O Rei Salomão) decidiu começar a construção do Primeiro Templo, foi confrontado com um problema. De acordo com a Torá, as pedras do altar não podiam ser lavradas usando metal, pois é um material usado para fazer armas que matam. O altar simboliza a vida e sua preservação, e, portanto, usando o mesmo material criado para fabricação de armas para o edificar o altar seria uma contradição.

Para este propósito, D'us criou o Shamir, um verme radioativo capaz de cortar através da rocha. No entanto, havia apenas um verme do gênero no mundo inteiro, e Shlomo Ha'Melech necessitava de Ashmodai (o demônio Asmodeus) para revelar-lhe o seu paradeiro e de como capturá-lo, o que significava que Salomão teria prender Ashmodai, o que foi realizado, mas só depois de ter criado uma armadilha inteligente para ele e, assim, Shlomo finalmente acabou tendo o Shamir.

De acordo com o Talmude, Shlomo Ha'Melech manteve Ashmodai preso em correntes seladas com o nome de D'us durante todo o período que o templo estava em construção. De acordo também com o Talmud, Shlomo HaMelech (O Rei Salomão) foi temporariamente deposto como rei do povo judeu pelo chefe demônio Ashmodai (Asmodeus).

Narrei acima previamente sobre Asmodeus, como o Rei Sh’lomo, com a ajuda do demônio, encontrou o Shamir para cortar as pedras que foram usadas no Templo. Após esta experiência, o Rei Salomão perguntou:

Qual é a sua superioridade sobre nós? Ashmodai respondeu: "Remova esta corrente do meu pescoço e me dê o seu anel e o seu sinete, e eu te mostrarei a minha superioridade".

Nem bem Shlomo há’Melech aceitou e cumpriu o desafio do demônio, quando Ashmodai repentinamente o arrebatou, engoliu, e esticou as suas asas, tocando os céus com uma e a terra com outra, e cuspiu-o novamente (teletransportou-o) a uma distância de 400 milhas. É com referência a este tempo foi que Shlomo disse: "Qual é o proveito de um homem que labuta sob o sol? (Qohelet 1:3)”, e "Esta é a minha porção de todo o meu trabalho (Ibid. 2:10)”. Por quê o Rei Salomão disse isto? A que se refere? Rabino Shmuel argumentou que foi devido ao tempo em que Sh’lomô, expulso do trono real, andou e andou de porta em porta mendigando enquanto Asmodeus, assumindo sua aparência, sentou-se no trono em seu lugar. Onde quer que fosse, o rei Salomão dizia: "Eu, Qohelet  fui rei sobre Israel em Jerusalém (Qohelet 1:12)”.

אֲנִי קֹהֶלֶת, הָיִיתִי מֶלֶךְ עַל-יִשְׂרָאֵל--בִּירוּשָׁלִָם

Depois de ser derrubado por Ashmodai, a estatura do rei Sh’lomo foi reduzida drasticamente, e ele foi deixado com apenas suas roupas e seu manto. Em decorrência desta experiência, o Talmud diz que Shlomo ha’Melech viveu com medo de Ashmodai pelo resto da sua vida, um claro sinal do impacto duradouro que o seu encontro com a morte espiritual deixado por Asmodeus, causou.

Este tipo de metamorfose e troca não aconteceu apenas com o Rei Salomão. Continua acontecendo até os dias de hoje.

A gematria (numerologia hebraica) de Ashmodai Mélech Ha'Shedim (אשמודאי מלך השדים) - Asmodeus, o rei dos demônios, é igual a 811. Guarde bem esta gematria.

Edir Macedo
O Bispo Asmodeus

Quem então arquitetaria com tamanha arrogância edificar uma cópia imperfeita do Templo Sagrado em "Terra Estranha?" Quem ousaria querer parecer o próprio Rei Salomão com tamanha petulância? O Próprio Asmodeus!

Tendo assumido forma humana, ou seja, se vestido como a barata gigante de "Homens de Preto" na pele de Edgar, o demônio levou a cabo querer parecer novamente como o Rei Santo. Ah! Sim! Zombeteiro este Ashmodai.

O segredo e a evidência desta encarnação profana está na sua gematria (numerologia cabalística). Ao calcularmos "Ashmodai Mélech ha'Shedim (אשמודאי מלך השדים)" cuja tradução é "Asmodeu o rei dos demônios" nós descobrimos a numerologia 811 que é exatamente a mesma de "ha'gilgul Bishop Edir Macedo (הגילגול בישופ אדיר מאסדו)" que se traduz "A encarnação do Bispo Edir Macedo". Sim, o bispo é a reencarnação do Ashmodai, o rei dos demônios e por isso é tão fácil para ele manipular os demônios sobre seu comando fazendo-os possuir aquelas milhares de pessoas tolas e cheias de carma que frequentam os templos profanos da IURD.

Quando a centelha do Rabi Chaim Vital me revelou isto, mostrou-me também as evidências escritas no próprio Tana'k (Torah, Profetas & Escritos).

Clique para ampliar

Na Matriz acima, no centro em vermelho, está a key-word(palavra-chave) "Ashmodai (אשמודאי)" e logo abaixo na diagonal em amarelo surge "Macedo (מאסדו)" e cruzando "Macedo" aparece escrito "... dias maus até que a cova se abra para o perverso..." e conectado a Macedo e "... dias maus até que a cova se abra para o perverso" está escrito, na vertical "ascensão do demônio da morte."

Se você ainda tem algum dúvida da identidade do construtor do "falso templo", analise abaixo outras provas e evidências.

Continuei investigando e fui inspirado a pergunta para os Anjos Luminosos da Escritura Hebraica "Quem é Edir? (מי אדיר)" A resposta veio com outra revelação impressionante. Veja na matriz abaixo.


Acima, no centro em vermelho esta a pergunta a qual mencionei "Mi Edir (Quem é Edir)" e abaixo em azul esta a resposta "ASHMEDAI (ASMODEUS)". Foi o que surgiu logo abaixo de Asmodeus que me surpreendeu. Em amarelo está escrito "Miqdash hayáh be'aretz Essáv (מקדש היה בארץ עשו)" a tradução é "O templo foi feito na terra de Esaú".

Esaú é chamado nas escrituras de EDOM (Vermelho) e que é uma alusão à Roma e ao que emergiu dela: A Religião que é o domínio da Érev Rav (multidão mista dos filhos da serpente).

"Ele (O Sagrado) chamou Samael (O Demônio) o anjo da guarda de Esaú (Edom/Roma) e lhe perguntou: "Você aceita a minha Oráita (Torá)?". Samael perguntou: "O que está escrito Nela?" O Sagrado lhe respondeu: "Não matarás (Êxodo 20 verso 13)!". Samael afirmou: "D'us me livre! Está Oráita (Torá) e Sua e deve permanecer Sua. Eu não desejo tal Oráita (Torá), e implorou: "Mestre do universo, se você me der esta Torá, todo o meu governo vai cessar, já que toda a minha dominação baseia-se em assassinato. E se eu aceito esta Torá, não haverá mais guerras. Meu governo é influenciado pelo planeta Ma'adim (Marte) que regra o derramamento de sangue". 

- Zôhar Parashat Balak

Este excerto acima é um trecho do Zôhar Sagrado da Guarda de Esaú é o próprio Lúcifer e é por isto que a Religião é a que mais matou, massacrou no planeta e todas as guerras tem origem na Religião. A Religião é a "Terra Vermelha de Esaú".

Agora sabemos também porque de tantas manifestações de demônios nos cultos da IURD, e porque ela se especializou nisso. Não passa de um teatro comandado pelo Rei dos Demônios Asmodeus. Na verdade, não há qualquer verdeiro exorcismo e ninguém e liberto.

Porque as pessoas estão sendo engadas desta maneira? Achando que estão cultuando a D'us, mas na verdade estão adorando o próprio Samael sob a direção de Ashmodai. A razão é porque foram dados ao engano por haver rejeitado a Torah e Sua Sabedoria Escondida - A QABALAH. Agora, o demônio esta fazendo com que todos os seus aspectos malévolos e negativos sejam manifestados. Certos grupos "cristãos evangélicos" tem pregado que o Rei Sh'lomô era um Feiticeiro adorador do demônio. D'us! Que pecado horrível estão cometendo, atribuindo ao demônio o que é Sagrado. Rejeitam a Sabedoria da QABALAH porque não podem Compreendê-la e então atribuem o que é Santo ao que é profano. Entre estes estão os seguidores do chamado "Irmão Rubens".

A gematria de "Comer Edir Macedo Bezerra (הכומר אדיר מסאדו בזרה) - Pastor/Bispo Editor Macedo Bezerra" é igual a 811 que é exatamente a mesma de "Asmodeus, o rei dos demônios." Agora você sabe a verdadeira identidade de Edir Macedo.

JAIR BOLSONARO
O ENVIADO DO SATAN

Há muito venho escrevendo sobre Bolsonaro ser um enviado do mal, a reencarnação de um demônio terrível e ficou claro que o era quando os cristãos o fizeram se sentar na cadeira do presidente da república.

Charge Reveladora


Em hebraico, o nome "Jair Messias Bolsonaro (גאיר מסיאס בולסונרו)" possui gematria kollel (numerologia cabalística) igual a 748 que é exatamente a mesma da expressão "Shaliach mi-Satan (שליח-משטן)" grafada assim mesmo com um makef (hífen). A tradução desta expressão é "Enviado do Satan (Samael)."

O CÓDIGO JAIR MESSIAS

Em 23 de fevereiro de 2018, eu tive a bênção de descobrir uma palavra-chave intrigante que trouxe uma revelação preocupante. Esta palavra-chave foi "Messias (מסיאס)" devidamente transliterada para o hebraico com um cruzamento com o nome "Jair (גאיר)". Ao abrir a matriz, vi, logo acima de "Jair Messias" a data de nascimento no calendário hebraico do candidato a presidente na época que é "10 de Adar (21 de março)". Fiz uma análise superficial da matriz e a fechei de deixei de lado durante muitos meses. Em setembro, resolvi dar uma outra olhadela no texto criptografado de "Jair Messias" e foi ai que meus olhos viram a frase que cruzava "Jair Messias" e que me deixou preocupantemente certo de que ele seria eleito para presidente do Brasil. Veja matriz abaixo:

Clique para ampliar

No centro, temos "Messias (מסיאס)" como palavra-chave e dentro deste termo-chave surge "Jair" cruzando ambos os termos entrecruzados está escrito "Yashev al k'ssê" que traduzido significa "Ele se sentará sobre a cadeira" e acima desta ocorrência esta "et nassí" que significa "do presidente". Juntado as duas ocorrências temos "Jair Messias: Ele se sentará na cadeira do presidente". O texto criptografado também revela que "todo o exército votou nele". O termo "Natzi (נאצי)" que significa "Nazista" surge compartilhando a mesma letra "alef" de "Jair". Até mesma a data de nascimento de Jair Bolsonaro está neste código. O código diz "Ele nasceu em Adar". Adar é o 12º mês no calendário da Toráh e o mês no qual Haman, o arquiinimigo dos judeus e da humanidade se levanta para tentar destruir a nação judaica e não se engane com esta falsa adulação cristã-sionista ao Estado de Israel.

Antes que os RELIGIOSOS batam no peito proclamando que Bolsonaro é um "UNGIDO" e que D'us o escolheu para presidente afirmo aqui que NÃO! O Divino não o escolheu, mas permitiu, devido ao tiqun (correção espiritual) desta nossa nação que se revelou FASCISTA NA ALMA e é por isso que o termo "Nazista" surge em estreita proximidade com Jair Messias.

O que aconteceu, foi o seguinte: Samael, vendo que esta nação não persegue a verdadeira espiritualidade da Torah e a tendo rejeitado (não confundir a busca corrupta de pessoas pelo judaísmo como uma aceitação verdadeira à Torah) subiu e requereu o "karma" da nação e o Sagrado, bendito seja Ele, a deu (a nação) nas mãos de Samael (o demônio). Num outro código cuja palavra-chave é Bolsonaro, a letra "samaech (s)" de Bolsonaro é a mesma letra de "Samael" que surge cruzando seu nome e o código diz "Ele é o trono no qual Samael se sentou."

A cada dia que passa Bolsonaro se torna cada vez mais autoritário revelando o tirano ditador que já vivia dentro dele. Para nossa bênção o código diz que ele "cairá pela própria língua dele" mas, não acredito que isso aconteça antes de que a nação sofra muita dor.

A MORTE DO HOMEM

No dia 6 de setembro do 2018. às 15h40m, Jair Bolsonaro morre em decorrência de um golpe de faca desferido por Adélio Bispo de Oliveira a quem o próprio Satan sussurrou aos ouvidos. Um demônio de Edom vem e se anexa à centelha da escória que anima o corpo de Jair trazendo-o de volta à vida. Sim, é isto mesmo! Jair Bolsonaro morreu, mas um Dibuck o fez reviver anexando-se à sua "alma levantando-o novamente para que cumprisse o destino satânico da sua alma perversa. 

O dia 6 de setembro é o 249º dia no calendário solar e, como o evento se deu às 15h40h, às 21h40m no fuso-horário israelense, o dia a ser considerado é o 250º no calendário solar e é neste valor que está escondido criptografado o segredo. O valor 250 contém a gematria de "Bá dibuck ha'Edom be'Elul (בא דיבוק האדום באלול)" cuja tradução é "Veio um demônio de Edom em setembro." Edom é o nome-código para o cristianismo nas escrituras originais hebraicas. Edom era como foi chamado Esaú, o irmão de Jacó. E o que lemos sobre Essav (Esaú) no Zôhar Sagrado?

"Ele (O Sagrado) chamou Samael (O Demônio) o anjo da guarda de Esaú (Edom/Roma) e lhe perguntou: "Você aceita a minha Oráita (Torá)?". Samael perguntou: "O que está escrito Nela?" O Sagrado lhe respondeu: "Não matarás (Êxodo 20 verso 13)!". Samael afirmou: "D'us me livre! Está Oráita (Torá) e Sua e deve permanecer Sua. Eu não desejo tal Oráita (Torá), e implorou: "Mestre do universo, se você me der esta Torá, todo o meu governo vai cessar, já que toda a minha dominação baseia-se em assassinato. E se eu aceito esta Torá, não haverá mais guerras. Meu governo é influenciado pelo planeta Ma'adim (Marte) que regra o derramamento de sangue". 

- Zôhar Parashat Balak

A alma dele já era muito perversa e por esta razão ele também é, como Heinrich Himmler  - o nazista - chamado de "Adam rá (homem mal)" no código da Toráh. E, então, veio o demônio e o ressuscitou anexando-se à sua já perversa centelha mantendo-o com vida para trazer dor e tristeza à esta já tão kármica nação. Os cristão que são Edom o colocaram na Cadeira do Presidente da República.

Eu tive uma namorada nos anos 90, foi a minha primeira relação e eu terminei com ela divido à sua insistência para que eu me adequasse ao cristianismo, raspasse a minha barba que eu matinha por faze devido ao meu amor à Toráh. Eu vi no perfil dela outro dia uma foto com a legenda "Mulheres à favor de Bolsonaro". Pobre gente possuída por demônios, que batem no peito se proclamando "cheios do Espírito Santo" mas que nunca, jamais provaram uma centelha da Presença Divina e que servem ao Satan ajudando-o a propagar o mal no mundo. Pobre gente!

A gematria de Jair Bolsonaro (גאיר בולסונרו) é 574 que é exatamente a mesma numerologia hebraica de "Hú ka'Malach Ha'Mavet (הוא כמלאך המות)" que se traduz "Ele é o Anjo da Morte" o que explica porque Bolsonaro ama tanto a tortura, o assassinado e o genocídio e porque da sua boca só emergem palavrões e palavras de morte. Jair Bolsonaro morreu e o Anjo da Morte está sentado na Cadeira do Presidente da República.


Na foto acima, o "Bispo-Demônio" vestido como um judeu (o que ele não é) usando um talit (xale judaico de orações) de forma completamente errada profanando uma vestimenta sagrada para os cabalistas. Ele é a reencarnação de Asmodeus e por isso os templos da IURD sempre estão cheios de pessoas possuídas por demônios, os dibuckim trazidos do inferno pelo próprio rei-demônio, Asmodeus!

Já, a gematria mispar kollel de "Jair Messias Bolsonaro (ג'איר מסיאס בולסונרו)" é igual a 748 e esta é a mesma numerologia cabalista mispar kollel de "Shaliach-miSatan (שליח-משטן)" cujo significado é "Enviado do Diabo."

Conclusão

Estes são os segredos da edificação desta cópia imperfeita do Templo Santo na "Terra de Edom", num terreno impuro e sem a permissão e a benção do Sagrado, bendito seja Ele, e a verdadeira identidade do seu edificador, que agora está se fazendo passar novamente pelo Rei Sábio Salomão.

Como foi possível que, esta nação cristã, que chama Jesus de mestre, o judeu que foi torturado por Edom (Roma) e crucificado, fizessem campanha a favor de um idólatra da tortura e do genocídio, um "homem" que homenageia torturadores, como Carlos Alberto Brilhante Ustra, que torturava mulheres durante a ditadura inserindo ratos em suas vaginas? Que povo é esse cujas mulheres fizeram campanha a favor desse misógino a ponto de declarem "mulheres a favor de Bolsonaro? A resposta é apenas uma: Eles são Edom e seu príncipe angélico é o próprio Samael, aquele que eles chamam de Lúcifer sobre o qual o próprio Apóstolo Paulo escreveu:

"E não é maravilha, porque o próprio Satanás se transfigura em anjo de luz. Não é muito, pois, que os seus ministros (pastores, bispos e apóstolos) se transfigurem em ministros da justiça; o fim dos quais será conforme as suas obras."


2 Coríntios 11:14,15

E quanto ao que se lê no Evangelho Segundo João, sobre o próprio Samael não é o que foi dito no Zôhar Sagrado?

"O ladrão não vem senão a roubar, a matar, e a destruir; eu vim para que tenham vida, e a tenham com abundância."

João 10:10

"Ele (O Sagrado) chamou Samael (O Demônio) o anjo da guarda de Esaú (Edom/Roma) e lhe perguntou: "Você aceita a minha Oráita (Torá)?". Samael perguntou: "O que está escrito Nela?" O Sagrado lhe respondeu: "Não matarás (Êxodo 20 verso 13)!". Samael afirmou: "D'us me livre! Está Oráita (Torá) e Sua e deve permanecer Sua. Eu não desejo tal Oráita (Torá), e implorou: "Mestre do universo, se você me der esta Torá, todo o meu governo vai cessar, já que toda a minha dominação baseia-se em assassinato. E se eu aceito esta Torá, não haverá mais guerras. Meu governo é influenciado pelo planeta Ma'adim (Marte) que regra o derramamento de sangue". 

- Zôhar Parashat Balak

A gematria de Ustra (אוסטרה) é igual a 281 e a gematria de Bolsonaro é igual a 360. Os dois valor juntos somam 641 que é o valor em gematria da palavra hebraica "meerat (מארת)" que significa "maldição." Está palavra é mencionada em Mishlei (Provérbios) capítulo 3 no versículo 33:

"Meerat Adonai be'beit rashá ... (מְאֵרַת יְהוָה, בְּבֵית רָשָׁע) - A maldição de Adonai habita na casa do perverso..."


Provérbios 3:33

Devido à energia satânica desse ser que emergiu do inferno houve um aumento pavoroso nas estatísticas de feminicídio somente no Brasil, 76% dos casos no 1º trimestre de 2019 somente em São Paulo, o número de mulheres vítimas de homicídio é de Oito em cada dez casos  e neste ano ocorreram dentro de casa.

Então, mulheres cristãs dominadas por maridos machistas religiosos, fizeram campanha para colocar na cadeira do Presidente da República do Brasil o próprio diabo.

Escrito e afirmado toda esta verdade novamente voltamos a perguntar como foi que essa nação cristã colocou na Cadeira do Presidente da República do Brasil o "Avéd ha'Satan (Servo do Demônio)". Fica claro que este povo, esta nação jamais ouviu a voz do Criador, pois se assim se tivesse realizado, jamais teriam compactuado com o Satan para colocar o seu servo no poder.

Compre aqui o livro 'Supernatural'

sexta-feira, 5 de junho de 2015

5776 - O Ano Da Revelação


 Poster de Star Wars - O Despertar Da Força

A importância do Ano Hebreu 5776 (התשע'ו) - O ano do Despertar do Messias, Cristo Interior.

O luach hebreu é o calendário universal criado e regido pelas letras da Torah assim como todo o universo. Podemos chamá-lo de "Calendário Universal". Nele, os milênios são representados pelas sete primiras letras do alfabeto Alef (א), beit (ב), Guimel (ג),  Dalet (ד), Hê (ה), Vav (ו) e Zayin (ז). Nós nos encontramos agora no 5° milênio no ano 775 (תשע'ה) em 47.775  a partir da criação deste universo. Cada universo foi criado para existir por 50.000 anos divinos.

Muito escrevemos, falamos, explicamos sobre o "Despertar (5773)" anunciado por Cometas maravilhosos, Ano da Sefirah Hod (Esplendor) na Árvore das Vidas. Nós estamos agora na Sefirah Malchut que é a Merkavah do Messias Filho de David - A consciência global que toda a humanidade deve alcançar. Todos somos Cristos, Budas, Messias, Krishnas, Mahdis.

Este é o ano 5775 e que é uma Shemitá - Ano Shabático. A tradição esotérica do Zôhar nos conta que o messias aparecerá depois de uma Shemitá e eis aqui o segredo do proximo ano de 5776 que é o ano da Sefirah Chessed que carrega o poder dos 72 Nomes de Deus e as influências zodiacais de Aries e Libra.

O valor 776 é a gematria de "Be'yat ha'Mashiach  (ביאת המשיח)" cujo significado é "A vinda do messias". Não,  Jesus não vai voltar e nenhum messias vai aparecer para os judeus ou para qualquer outro dogma religiosos. O messias será revelado em cada um de nós. Este é  o poderoso segredo de 5776 (2015/2016).


Então,  no ano seguinte, em 5777 (2016/2017) Outro poderoso segredo será revelado. A gematria 777 é  a mesma de "Baú Sheni meshihim (באו שני משיחים)" cuja tradução é "Virão os dois messias (ben Josef e ben David). O messias filho de José é  a nossa centelha cristica e o messias filho de David é o mundo inteiro Desperto. Este ano estará sob as influências zodiacais de Touro e Escorpião. 777 será um ano maravilhoso para mim devido ao meu segredo é reencarnação que estão ligados a Touro e Escorpião. Foi assim em 1982, 1988, 1996, 2003, 2010.

E então chegaremos ao ano 5778 (2017/2018). A gematria 778 é o valor numérico de "Sha'ar Razá  (שער רזא) - O Portão do Mistério Divino". Neste ano, muitos e maravilhosos mistérios serão abertos para humanidade, na ciência,  na medicina, informática,  etc.


Lembre-se: A Força está em você também é você também a tem. O messias esta em voce e voce possui o potencial para ser o messias. Desperte a Força em voce. 

Deepak Sankara Veda

O Artesão Da Luz