Projeto Jardim Do Éden

Projeto Jardim Do Éden
A Associação Qabalista Mundial – Gará Kulam Moshav, na voz do seu fundador e presidente Misha´El Yehuda ben Yisrael, lançou, em 2006, o “Projeto Jardim do Éden” cuja intenção era conseguir a doação, empréstimo ou mesmo arrecadar fundos para a compra de um Sitio ou Chácara onde será instalada a sede da sua Comunidade Mística, o Centro Brasileiro de Estudos da Qabalá. Clique na imagem, conheça o projeto e faça uma doação.

EU QUERO ACREDITAR

EU QUERO ACREDITAR
CRIPTO-EVIDÊNCIAS DA PRESENÇA ALIENÍGENA NO PASSADO DA HUMANIDADE

Os Verdadeiros Anunnki

Os Verdadeiros Anunnki
A verdade jamais revelada sobre os Anunnaki

Novo Livro

Novo Livro
Duna - Uma Experiência Verdadeira

Os Ecos De Enoch

Os Ecos De Enoch
Página dedicada à criação online da Obra "Os Ecos De Enoch"

PROGRAMA "OS ARQUIVOS X"

PROGRAMA "OS ARQUIVOS X"
Apresentado entre agosto e novembro de 2015. Clique na imagem!

Faça Uma Tzedaká (Doação)

Faça Uma Tzedaká (Doação)
O Segredo Da Doação

quarta-feira, 4 de abril de 2018

432: O SEGREDO DO IDIOMA DIVINO


Uma antiga lenda judaica diz que o mundo foi criado pelo Deus Único, através de "falas" e cantos que trouxeram os mundos à existência. As 22 letras hebraicas (27 com a 5 letras finais) em  combinações pré-determinadas foram usadas para realizar essa tarefa. Então, em essência, Deus criou o mundo e o universo inteiro através da música. As letras hebraicas foram os meios que canalizaram as forças físicas usadas na criação.

A língua hebraica é o Idioma Divino, o Codex da Criação. A sabedoria do Zôhar nos revela que, dois mil anos divinos antes de criar os universos, o Criador criou primeiro o Seu idioma Sagrado, o Codex Divino e com ele se alegrou durante estes dois mil anos divinos (730.500.000 anos terrestres) e, somente então, Ele deu inicio à Sua criação e o Zôhar descreve este processo narrando como cada um das letras do Codex Divino se apresentou diante do Sagrado oferecendo argumentos para que o Santo, abençoado seja Ele, inicia-se o Seu universo com ela e de como o Santo as foi rejeitando até que a letra beit (a segunda) entrou e forneceu o melhor argumento de todas e é por isso que a criação se inicia com ela, como lemos "Bereshit bará Elohim et ha'shamyim ve'et ha'aretz (בְּרֵאשִׁית, בָּרָא אֱלֹהִים, אֵת הַשָּׁמַיִם, וְאֵת הָאָרֶץ.) - Gênesis 1:1.

"Aquele que possui o conhecimento de como formar a combinação correta de sons hebraicos pode criar e destruir mundos ...."

A expressão "Idioma Divino" é, em hebraico, a "Lashon Elohai (לשון אלהי)" e como no hebraica as letras também são números (gematria) o valor numerológico de "Lashon Elohai" é igual a 432 e este valor em gematria é exatamente o mesmo de "Mispar Elohai (מספר אלוהי)" que significa "Número Divino". Creio que a maioria que acompanha as publicações da Sabedoria Escondida que realizo aqui sabem que meus instrumentos musicais são afinados em 432 hertz e nunca em 440 hertz. O valor 432 é a finação que conecta e que canaliza a luz divina. Já o valor 440 é a gematria (valor numerológico) da palavra "Mët (מֵת)" cujo significado é "Morte".

"Os teóricos da conspiração lhe dirão que essa sintonia perniciosa foi promovida pelos nazistas - Joseph Goebbels, principal propagandista do Terceiro Reich, impôs a sintonização de 440 Hz como parte de um plano hediondo para distorcer a consciência das massas. E as gravadoras podem estar em conluio com esses nazistas. "A indústria da música apresenta essa freqüência imposta que está" agrupando "as populações em maior agressão, agitação social psíquica e sofrimento emocional que predispõe as pessoas à doença física", afirma o Dr. Leonard Horowitz em seu artigo "Musical Cult Control (Fonte: https://www.thedailybeast.com/are-we-all-mistuning-our-instruments-and-can-we-blame-the-nazis)".

A afinação 440 hertz reverbera a morte, conecta com a energia de falência e canaliza destruição, e foi por esta razão, apensar de ter oferecido um argumento poderoso, a letra "Tav (ת)" que é a vigésima segunda do Codex Sagrado, foi rejeitada como instrumento para a criação do universo. O Zôhar nos revela que, o Divino, abençoado seja Ele, disse a ela: "Eu não vou criar o universo com você, Tav, pois você é a final na palavra "Mët (מֵת)". 

Aproveitando para instruir e com o coração ausente de preconceito mas, que se torna necessário para a instrução, devo comentar sobre o mundo religioso em si, onde seus músicos, que proclamam estar conectando pessoas com suas canções, usam a afinação 440 hertz, pois jamais, mesmo proclamando serem cheios do Ruach ha'Qodesh (Espírito Santo) foram instruídos pelo Divino que este tipo de afinação conecta e canaliza a energia da morte e, a implicação espiritual disto é perversa pois, ao invés de estarem conectando as almas com o Sagrado Criador do universo, estão conectando pessoas com o Adversário e canalizando morte e doenças, falência, etc. Eles estão conectando pessoas com a "Fúria do Satan" expressão esta que, em hebraico se diz "Aff Satan (אַף שָׂטָן)" cuja gematria é exatamente 440. A palavra "Aff" também significa "Nariz" ou como se diz no nordeste "Venta". O Zôhar nos aconselha dizendo "Se afastem daquele cuja a respiração está em suas ventas" indicando que não devemos andar ou nos associar com pessoas dirigidas pelo furor, pela raiva, pela ira. É comum no nordeste se dizer "Aff" que é o mesmo que "ai que raiva". 

441 Hertz
"וְתֵדְעוּ אֶת הָאֱמֶת וְהָאֱמֶת תְּשַׁחְרֵר אֶתְכֶם."
הַבְּשׂוֹרָה עַל־פִּי יוֹחָנָן

Há uma outra afinação que pode e deve ser usada na música para substituir a de 440 hertz que é a de 441 hertz. Em hebraico, o valor 441 é a gematria da palavra "Emet (אֶמֶת)" cujo significado é "verdade" ou "aquilo que procede da verdade" ou ainda "que é verdadeiro". Okay! podemos fazer a prova dos 9: 4+4+1=9.

Existem um universo dos sete universos mencionados no Zôhar Sagrado, que reverbera na sintonia de 432 hertz. Este universo é chamado "Tevël (תֵּבֵל)" e sua gematria é exatamente 432.

"Brame me louvor o mar em sua plenitude, e o Tevël e todos os seus habitantes (יִרְעַם הַיָּם, וּמְלֹאוֹ; תֵּבֵל, וְיֹשְׁבֵי בָהּ)" - Tehilim (Salmos) 98:7

Meu nome hebreu "Misha'Ël Ha'Levi (מישאל הלוי)" possui gematria igual a 432 que é duas vezes 216 que é o segredo do Santo Nome de 216 letras que é o segredo da ressurreição dos mortos. Quem canta, seus males espanta? Bem, isso depende da afinação, não é verdade? 

Autor
Bën Mähren Qadësh
Misha'Ël Ha'Levi
Deepak Sankara Veda​

O Artesão Da Luz