Projeto Jardim Do Éden

Projeto Jardim Do Éden
A Associação Qabalista Mundial – Gará Kulam Moshav, na voz do seu fundador e presidente Misha´El Yehuda ben Yisrael, lançou, em 2006, o “Projeto Jardim do Éden” cuja intenção era conseguir a doação, empréstimo ou mesmo arrecadar fundos para a compra de um Sitio ou Chácara onde será instalada a sede da sua Comunidade Mística, o Centro Brasileiro de Estudos da Qabalá. Clique na imagem, conheça o projeto e faça uma doação.

EU QUERO ACREDITAR

EU QUERO ACREDITAR
CRIPTO-EVIDÊNCIAS DA PRESENÇA ALIENÍGENA NO PASSADO DA HUMANIDADE

Os Verdadeiros Anunnki

Os Verdadeiros Anunnki
A verdade jamais revelada sobre os Anunnaki

Novo Livro

Novo Livro
Duna - Uma Experiência Verdadeira

Os Ecos De Enoch

Os Ecos De Enoch
Página dedicada à criação online da Obra "Os Ecos De Enoch"

PROGRAMA "OS ARQUIVOS X"

PROGRAMA "OS ARQUIVOS X"
Apresentado entre agosto e novembro de 2015. Clique na imagem!

Faça Uma Tzedaká (Doação)

Faça Uma Tzedaká (Doação)
O Segredo Da Doação

segunda-feira, 29 de outubro de 2018

A PROFECIA: O MISTÉRIO DO NÚMERO DA BESTA


"Quando os judeus retornarem a Sião e um cometa riscar o céu, e o Sacro Império Romano se elevar, então você e eu devemos morrer. Do mar eterno ele sobe, criando exércitos em ambas as costas, virando o homem contra seu irmão, 'até que homem não exista mais".

Do filme "A Profecia (The Omen) - 1976"


Não há como instruir as almas que passaram todas suas vidas presas no sistema religioso de Edom sem nos utilizarmos de sua própria linguagem escatológica. É preciso libertar das Qlipot (cascas do mal) os escritos cabalísticos que caíram sob o domínio de Edom (Roma) para que eles possam iluminar as consciências daqueles que estão escravizados pelos grilhões da chamada Grande Prostituta, a S'firá Malchut das Qlipot chamada também de Edom que é o Antimashiach chamado no jargão cristão de Anticrtisto que é a oposição espiritual ao verdadeiro messias que é Israel, ou seja, a S'fira Malchut de Adam Ha'Rishon e que é também chamada de Malchut ha'Elohim - O Reino de Deus - na Árvore das Vidas.

Durante muito tempo busquei uma compreensão mais elevada para o afamado 666 sempre acreditando que qualquer interpretação religiosa católica romana ou cristã protestante é errada e corrompida e sempre estive correto com este pensamento. De fato, este sistema religioso corrompido que é a manifestação da religião de Edom (Malchut das Qlipot) e que é a oposição a Israel, sequer sabe o que realmente tal afamado numeral significa.


Temos que usar o Apocalipse e libertar das cascas do mal este escrito cabalístico para que ele possa iluminar a consciência do povo e permitir a libertação das almas.



SEISCENTOS E SESSENTA E SEIS
O NÚMERO DA BESTA

"Aqui há sabedoria. Aquele que tem entendimento, calcule o número da besta; porque é o número de um homem, e o seu número é seiscentos e sessenta e seis."



בָּזֹאת חָכְמָה מִי שֶׁבִּינָה לוֹ יְחַשֵּׁב מִסְפַּר הַחַיָּה כִּי מִסְפַּר אָדָם הוּא וּמִסְפָּרוֹ שֵׁשׁ מֵאוֹת וְשִׁשִּׁים וָשֵׁשׁ׃


Apocalipse 13:18

Na tradução para o hebraico diz "Bazót chachmá mi-she-biná (בָּזֹאת חָכְמָה מִי שֶׁבִּינָה) - Aquele que possui Chochmá (Conhecimento da Sabedoria Escondida da Torá) e possui "Biná (Compreensão Divina) calcule o número da Besta...". Aqui se está aludindo à ciência da Gimatria que é o cálculo do valor numérico do valor atribuído a cada uma das vinte e duas letras do alfabeto hebraico e não adianta usar o grego ou qualquer outra língua, porque não vai funcionar.


A gematria da parte "shésh meót ve'shishim va'shésh (שֵׁשׁ מֵאוֹת וְשִׁשִּׁים וָשֵׁשׁ) - seiscentos e sessenta e seis" é igual a 2309 e que, por sua vez é a mesma gematria de "machshevon gimatria putzach code chamishá chumash Torá (מחשבון גימטריה פצח קוד חמישה חומשי תורה) - a calculadora de gematria quebrará o código dos cinco livros da Torá." A ferramenta para decodificar o 666 é a gematria e não há outra.


A Besta é uma criatura espiritual e por isso se chama no hebraico "Ha'Chayáh" e neste caso é uma alusão as Qlipot malignas, os órgão do Adão Vazio (Belial) onde as centelhas de almas da santidade foram capturadas e aprisionadas. Especificamente neste caso, a Besta é Malchut das Qlipot que é Edom chamada pelo Codename "Tzar-Ha'Mashiach (צַר המָשִׁיחַ) - Opositor do Messias" que é Edom (Malchut das Qlipot) que é a opositora do Messias que é Israel (Malchut da Santidade).


O segredo do 66 é este: Tudo o que provém das Qlipot Malignas recebe a "Marca da Besta" ou seja, a sua gimatria que é 666 que é o valor numérico hebraico de "Mi-Qlipot (מ-קליפות)" e que se traduz para o inglês "From Qlipot - Que provém das Cascas do Mal". Tudo o que possui origem lá recebe a sua marca maligna.


Tudo o que provém de Israel que é Malchut da Santidade recebe a sua Marca, o seu Estigma Santo que é 777, como, por exemplo, a expressão "Rechev Adam Yashar (רכב אדם ישר) - A Carruagem do Homem Justo" possui gimatria igual a 777 e é uma alusão à Malchut da Santidade que é chamada "Mashiach Ben David (Messias Filho de David).


O referido "Homem (Adão)" no versículo do Apocalipse é o Adão das Trevas chamado ADAM BELIAL cuja marca é 666 pois, assim como o próprio Adam Ha'Rishon, ele foi criado no sexto dia. A gimatria de "Iom Shishi (יום ששי)" é igual a 666, mas que, oposta à sexta-feira divina na qual o Adão da Santidade foi criado, está sexta-feira se criou após o pecado, ao meio dia da sexta-feira cósmica. Na Torá há diferença entre a sexta feira das Qlipot e a sexta-feira da Santidade que é referida com a letra "HÊ (הַ)" pois é divina, sendo "Iom Ha'Shishi (יוֹם הַשִּׁשִּׁי)" e cuja gimatria é 671. Portanto, o Adão ao qual se refere o versículo é o Adão Belial. Este Adão das Trevas é chamado na Torá de "Adam rá (אָדָם רַע) - Homem perverso" e se refere ao Adão Belial.



TESHUVÁH

"Teshuvah  (retorno)" e que você deve saber que é "Tashuv -Hê (תשוב-ה)" o retorno das centelhas de almas e da Sefirah Malchut caídas no domínio das Qlipot de Adam Belial e que é chamada Galut  (Exílio).

תשוב-ה

Quando se fala no Retorno dos Judeus a Sião compreenda que é o Segredo do Retorno das centelhas fragmentadas de Adam ha'Rishon caídas dentro das Qlipot à Sefirah malchut a qual o Zôhar revela se chamar Sião.

O Sha'ar ha'guilgulim (O Portal das Reencarnações) também deixa claro que a "Galut (Exílio)" alude a "Shekinah (Malchut)" caída e perdida no reino das Qlipot e isso também se refere às "Dez Tribos Perdidas" que são uma alusão as "Dez Emanações de Malchut" chamadas de "Dez Tribos".

Tudo é um segredo da Reencarnação e não um convite às Senzalas da Religião, a nos tornarmos escravos dos Dogmas religiosos.

O poema acima eu retirei do filme "A Profecia" de 1976. O anticristo é uma alusão às almas de malchut de Adam Belial que é chamada Edom (Roma) e sua reencarnação no mundo de malchut de Zeir Anpin.

Você notou o que está acontecendo neste momento? Quantas pessoas no mundo estão contra o Divino e sua Torah? São pessoas reencarnadas com as almas das Qlipot de Adam Belial que são chamadas "Escória do Mundo" e que recebem o código de "Tzar ha'Mashiach (Anticristo)" pois são contra o Despertar do mundo e sua ascensão à Consciência messiânica que é a Sefirá Malchut de "Adam ha'Rishon (O Adão Primordial). Estas pessoas que são contra o "Messias (Malchut/Israel)" são chamadas também pelo código "Goyim (Gentios)" que não é um adjetivo para pessoas que não são judias, mas para as almas das Conchas que formam o corpo sinistro e vazio de Adam Belial (O Adão das Trevas)".

O Cometa já riscou os Céus e as almas de Adam ha'Rishon estão sendo reencarnadas e ambém com elas a oposição que são as almas de Edom e assim como em cada geração há uma grande centelha messiânica que aponta o caminho da Teshuvá para as almas, assim também há uma reencarnação da perversidade, da energia obscura do Adão das Trevas, de Malchut das Qlipot que é Edom e que recebe o nome de Anticristo.

No poema lemos "Do mar eterno ele sobe (se eleva)". O mar é sempre uma alusão à Sefirá Malchut que é chamada também de "Mar de Povos (almas)".


No filme de 1976, são os católicos romanos que conspiram para reencarnar o antimashiach na terra, em outras palavras, Edom conspira para fazer nascer as reencarnações das Qlipot no mundo físico.



CURIOSIDADES DO FILME

O filme foi lançado em 6 de junho de 1976 ou seja, 666. O filme pareceu ser vítima de uma maldição sinistra. A estrela Gregory Peck e o roteirista David Seltzer tomaram voos separados para o Reino Unido, mas ambos os aviões foram atingidos por um raio. Enquanto o produtor Harvey Bernhard estava em Roma, um raio o errou por um tris. Rottweilers contratados para o filme atacaram seus treinadores. Um hotel no qual o diretor Richard Donner estava hospedado foi bombardeado pelo IRA; Ele também foi atingido por um carro. Depois que Peck cancelou outro voo, para Israel, o avião que ele teria fretado caiu matando todos a bordo. No primeiro dia da filmagem, vários membros principais da tripulação sobreviveram a um acidente de carro. O jinx (maldição) parecia persistir até a pós-produção quando o artista de efeitos especiais, John Richardson, foi ferido e sua namorada decapitada em um acidente no set de Uma Ponte Longe Demais (1977)."

"Me parece que as Qlipot, prevendo que o filme conteria códigos que nos ajudariam, no futuro, a desvendar os seus segredos, tentaram, por todas as vias, impedir que ele fosse realizado."

Adendo do Autor

Como parte de sua campanha publicitária de pré-lançamento, e para salientar o significado de "os três seis" como O Sinal de Satanás, o filme foi exibido em todo o país nos EUA em 6 de junho de 1976. Enquanto o público dentro dos cinemas estava sendo Assustados pelo filme, os funcionários do teatro estavam na frente, ocupados em colocar cartazes especialmente feitos, declarando: "Hoje é o sexto dia do sexto mês de 1976". O truque funcionou muito bem, deixando a maioria apavorados ao ver esses cartazes.

Depois de terminar o trabalho no filme, o encarregado de efeitos especiais John Richardson e seu assistente estavam trabalhando em A Bridge Too Far (1977) na Holanda. No caminho de volta ao hotel, numa noite, o carro foi atropelado por um caminhão e o assistente morreu instantaneamente. John , ao olhar fora do carro pela janela e viu um poste com uma placa que dizia "66,6 quilômetros Ommen." Ommen (pronúncia holandesa: [ˈɔmən]) é um município e uma cidade hanseática no vale Vecht da região de Salland, que fica no coração da província de Overijssel, no leste da Holanda.

O SINAL DA BESTA

O roteirista do filme, David Seltzer é judeu nascido de família judia e nunca havia lido a Bíblia Católica Romana até a ocasião em que escreveu o filme, o que é muito interessante. A data de estreia do filme em 6 de junho contém algo sinistro. Naquele ano, o dia 6 de junho foi o 188º dia do ano bissexto de 1976 e este valor, 188, é o resultado em gematria da expressão "Siman Ha'Chayáh (סימן החיה)" que se traduz "O Sinal da Besta".

"Quando os judeus retornarem a Sião e um cometa riscar o céu, e o Sacro Império Romano se elevar, então você e eu devemos morrer. Do mar eterno ele sobe, criando exércitos em ambas as costas, virando o homem contra seu irmão, 'até que homem não exista mais".


Cometa West - O Grande Cometa de 1976
C/1975 V1

O retorno dos Judeus (yehudim) a Sião é o retorno das centelhas de almas fragmentadas do "Homem Primordial (Adam Ha'Rishon)" a "Tzion" que é a S'firá Malchut na Etz ha'Chaim (Árvore das Vidas). No fim dos tempos, a S'firá Malchut das Qlipot ascenderá em sua força e poder para fazer oposição ar Despertar Messiânico do mundo todo. Um cometa riscará o céu... este foi o Cometa Ison em 25 de Kislv de 5774 (28 de novembro de 2013) e que inaugurou a Era Messiânica. De lá para cá, o antissemitismo aumentou muito no mundo todo, pois o Sacro Império Romano, ou seja, a Qlipá (Casca Maléfica) de Edom que é a S'firá Malchut na Etz ha'Qlipot (Árvore das Cascas Malignas) está se fortalecendo com as ações negativas da humanidade e se elevando.

O ANTICRISTO

Todas as reencarnações desta Qlipá (Casca Maligna) são marcados com o estigma do mal 666. Aqui, vou revelar alguns desses "gilgulim ha'rá (Reencarnações do Mal):

NERO CESAR
קסר נרון
666

No caso dos Cesares, o título romano Caesar que em hebraico é "K'ssar (קסר)" revela que ele era uma escória-raiz de Edom pois, quando aplicamos a Cifra Atba'sh em Cesar ela se transforma em "CHAG DAM (חג דם)" e que se traduz "FESTA DO SANGUE".

"A FESTA DO SANGUE NO COLISEU"

ADOLF HITLER

No documentário "AMALEQ - AS ORIGENS OCULTAS DO NAZISMO" eu revelei que a alma de Hitler era uma escória da alma-raiz de AMALEQ que é a Coroa das QLIPOT  que é composta das ALMAS DA ÉREV RAV (Multidão Mista) que são "NEFILIM (CAÍDOS), GIBORIM (PODEROSOS), ANAQIM (GIGANTES), REFAIM (SOMBRAS) E AMALEQIM. Amaleq significa "FAZER ESFRIAR A ALMA ATRAVÉS DO TRABALHO FORÇADO". Os nazistas eram escórias de Amaleq e por isso criaram os Campos de Trabalho Forçado para fazer esfriar a alma do povo judeu e provocar a sua desconexão do Divino.


אדולף היטלר
+
אדום עמלק
=666


Hitler era uma reencarnação de "Haman Ben Hamedata - Ha'Agagi (הָמָן בֶּן-הַמְּדָתָא הָאֲגָגִי)" arqui-inimigo dos judeus durante o Exílio da Pérsia (Chessed, Guevurá e TIféret das Qliót). 

A ascensão das escórias de Edom é sempre apoiada pela Igreja, ou seja, pela religião, porque a gematria de EDOM-AMALEQ (אדום עמלק) é igual a 404 que por sua vez é a mesma do termo DAT (דת) que significa RELIGIÃO. DAT é uma palavra com defeito, pois lhe falta a letra "AYIN (ע)" para que se torne DAAT que é CONHECIMENTO. DAT é o resultado da REBELIÃO DE LÚCIFER que conspirou para derrubar (para dentro das Qlipot) a humanidade (centelhas de almas da santidade).


Padres & Os Nazistas

Depois da guerra, redes clandestinas contrabandearam oficiais fugitivos do Eixo para fora da Europa. O bispo Alois Hudal , ex-reitor do colégio pan-germânico em Roma, que treinava padres alemães, era secretamente membro do Partido Nazista e informante da Inteligência Alemã. [356] Gerald Steinacher escreveu que Hudal desfrutava de relações pessoais estreitas com Pio XII por muitos anos antes e era uma figura influente no processo de fuga. Os Comitês de Refugiados do Vaticano para croatas, eslovenos, ucranianos e húngaros ajudaram ex-fascistas e colaboradores nazistas a escapar desses países.

A expressão SEGREDOS CATÓLICOS (סודי קתולים) possui gematria igual a 666 e, além disso, transformando a palavra "SODÍ (סודי)" que significa SEGREDOS na sua letra hebraica correspondente que é a letra PEI (פ) e ligando-a à palavra "CATÓLICOS (קתולים)" permutando-a ela se transforma em "mi-Qlipot (מקליפות)" cuja gematria é 666.

A Origem Da Religião 

"Ele (O Sagrado) chamou Samael (O Demônio) o anjo da guarda de Esaú (Edom/Roma) e lhe perguntou: "Você aceita a minha Oráita (Torá)?". Samael perguntou: "O que está escrito Nela?" O Sagrado lhe respondeu: "Não matarás (Êxodo 20 verso 13)!". Samael afirmou: "D'us me livre! Está Oráita (Torá) é Sua e deve permanecer Sua. Eu não desejo tal Oráita (Torá), e implorou: "Mestre do universo, se você me der esta Torá, todo o meu governo vai cessar, já que toda a minha dominação baseia-se em assassinato. E se eu aceito esta Torá, não haverá mais guerras. Meu governo é influenciado pelo planeta Ma'adim (Marte) que regra o derramamento de sangue". 

Zôhar Parashat Balak



"E vi uma mulher montada numa besta vermelha, que estava coberta de nomes blasfemos e que tinha sete cabeças e dez chifres."

וָאֵרֶא וְהִנֵּה אִשָּׁה יֹשֶׁבֶת עַל־חַיָּה אֲדֻמָּה כַתּוֹלָע מְלֵאַת שְׁמוֹת גִּדּוּפִים וְלָהּ שִׁבְעָה רָאשִׁים וְעֶשֶׂר קְרָנָיִם׃

Apocalipse 17:3


HAVERÁ ADENDOS...




O Artesão Da Luz