O Buscador

O Buscador
"Quando olho para os Céus, não estou procurando por um Deus que vive no espaço exterior, estou lendo as estrelas e ouvindo os seus mistérios (Tehilim 19)". Deepak Sankara Veda

Faça Uma Tzedaká (Doação)

Faça Uma Tzedaká (Doação)
O Segredo Da Doação

Boas Vindas

"ברוכים הבאים ממסורת עתיקה העברים במדבר". Bem vindo á Antiga Tradição dos Hebreus do Deserto ao "Zen Hebreu". Este site não representa o judaísmo, nada tem haver com judaísmo e com nenhuma de suas vertentes. Este "sítio" é um lugar onde Sabedoria é compartilhada

segunda-feira, 20 de fevereiro de 2012

Centelhas do Messias: Bruce Lee

As pessoas ficam buscando, esperando um "messias" que virá vestido em roupas religiosas, ou seja, messias apontados pelos lideres das religiões e pela Érev Rav (a multidão mista), e eleitos de acordo com seus dogmas e preceitos e não de acordo com a Sabedoria do Zohar.

O Livro do Esplendor ספר הזהר deixa bem claro que, Mashiach משיח (Messias) não é uma pessoa, mas um estado de consciência a ser atingido pela pessoa e consequentemente pela humanidade. A fato das "neshamot (almas)" de Mashiach se "vestirem" em forma humana é um resultado do nosso baixo nível de consciência, da nossa baixa percepção espiritual e falta de Sabedoria e do amor aos dogmas e da rejeição do conhecimento.

Como revelei no artigo "Reconhecendo Mashiach", artigo este que tem dado aos tolos e fofoqueiros as razão torpes de suas próprias almas para ficar de caluniando e difamando, abordando outros com suas palavras falsas e distorcidas intencionalmente criadas e direcionadas para tentar afastar da Sabedoria alguns que se achegaram a ela, e como revelei naquele artigo, para reconhecermos as pessoas nas quais as centelhas das almas de Mashiach foram encarnadas, temos que conhecer os atributos das "neshamot" de Mashiach. Tolos são aqueles que, sendo instruídos pelos céus através de sonhos ou mesmo pela "Bat Qol (A Voz da Presença Divina)" para buscarem a Sabedoria e instrução dos mistérios sagrados com os mestres que são encarnações das almas do messias, rejeitaram a instrução para permanecerem ligados, atados aos dogmas, insistindo na "mentira messiânica" criada para iludir a humanidade e impedi-la de atingir o estado de consciência de Mashiach. Como rejeitaram a instrução, cometeram "peshá (pecado de rebelião contra o Sagrado) e em razão disto, serão destruídos, pois contribuíram para o escurecimento do mundo através da propagação e perpetuação dos dogmas religiosos.

O Artigo

Mas graças à Providência Divina, em cada e toda geração as "centelhas das almas de Mashiach" estão entre nós, nos guiando à Sabedoria, nos ensinando a amar e apontando o caminho para o Paraíso, ou seja, elevando nossas consciências até que devolvamos este mundo ao seu estado edênico original.

Assim, Abel, Moisés, Buddha, Yashu'a (Jesus), Rabi Akiva, Rabi Shimeon bar Yochai, Rabi Abraão Abuláfia, Rabi Isaac Lúria, Baal Shem Tov, Gandhi, Rabi Ashlag, Martin Luther King, Bruce Lee, Ayrton Senna foram centelhas encarnadas das almas de Mashiach.

Apenas para evidenciar isto, tomemos como exemplo Rabi Shimeon Bar Yochai: O nome "Bar Yochai" que significa "Filho de Yochai" é compreendido apenas como ele tendo sido filho de Yochai, mas na verdade, esconde um segredo mais elevado. O nome "Yochai" é um "acrônimo que é uma palavra, nome ou título formado pela primeira letra (ou mais de uma) de cada uma das partes sucessivas de uma locução. Ex: sonar [do inglês: so(und) na(vigation) and r(anging)])". Yochai é na verdade "Adonai Chai (יהוה חאי)" cujo significado é "D´us Vivo". Então, "Bar Yochai" significa "Filho do D´us Vivo" e que revela a natureza da "alma de Rabi Shimeon bar Yochai":  Uma centelha da alma de mashiach.

Rabi Shimeon ocultou-se deste mundo no 33º dia da contagem de Sefirat ha'Ômer, conhecido como "Lag ba'Ômer" ou "33º do Omer". O número 33 é muito importante em QABALAH, e também é a metade de 66 que é a gematria de "ben David (Filho de David)" que é uma alusão à sefirá malchut na Árvore das Vidas e que é a Merkavá (carruagem divina) para a alma de Mashiach ben David.

BRUCE LEE
Uma Centelha do Messias

Nascido Lee Jun-fan; 27 de novembro de1940 – 20 de julho de 1973) foi um ator, instrutor de artes marciais, filósofo, roteirista, diretor e produtor cinematográfico sino-americano e honconguês, fundador do movimento de artes marciais Jeet kune do. Ele é amplamente considerado por muitos comentaristas, por críticos, pela mídia e outros artistas marciais como o lutador de artes marciais mais influente do mundo e um ícone cultural. Mas certamente, ele foi muito mais do que isto. Ele foi uma centelha reencarnada do messias que impactou o mundo com a Sabedoria através das Artes Marciais.



Lee recebeu o nome Lee Jun Fan, pelos seus pais que em Cantonês literalmente significa avigore São Francisco, em homenagem ao nome em chinês de seu local de nascimento, São Francisco, Califórnia. O nome Bruce foi dado por uma enfermeira do hospital em que Lee nasceu, também recebeu outro nome durante sua infância, Sai Feng, um nome típico feminino, usado normalmente para afastar a criança de maus espíritos.

O seu nome artístico foi Lee Siu Lung em Cantonês ou Li Xiao Long em Mandarim que literalmente significa Lee Pequeno Dragão, o nome foi dado por um diretor em 1950 de um filme cantonês no qual Lee atuou. Mas é  no nome "BRUCE" que vamos nos deter neste momento. Bruce vem do hebraico "Baruch" que significa "bendito, abençoado" e que unido ao nome "Lee" que em hebraico significa "Para Mim" torna-se "Baruch Lí (ברוך לי)" cujo significado é "Bendito Para Mim (D´us)". Seria a enfermeira que deu-lhe o nome de Bruce uma israelita que inspirada divinamente reconheceu a identidade da sua alma?

Bruce faleceu misteriosamente aos 33 anos em 1973 no dia 20 de Julho érev (véspera) shabath Pinchás. Julho é o único mês que recebe a influência da Lua que é um dos atributos de Mashiach. O ano gregoriano de 1973 foi no luach hebreu 5.733. O número 33 escreve-se com as duas letras hebraicas "lamed ל" e "guimel ג" que juntas formam "Lag" e aqui reside parte do mistério que revela a identidade da alma de "Bruce Lee":

33+33=66

Em gematria hebraica, o número sessenta e seis (66) é o valor numérico de "ben David" cujo significado é "Filho de David" e alude à centelha de Mashiach Ben David. Ao tomarmos o nome "Bruce Lee" que é "Baruch Lí" e somarmos ao titulo "ben David" nos temos "Baruch Lí ben David" cujo significado é "Bendito Para Mim O Filho de David". Você acredita mesmo que foi um acaso Bruce ocultar-se deste mundo aos 33 anos no ano de 5.733? Se acredita nisto, então sua crença no Sagrado, bendito seja Ele, é falha, pois como disse Albert Einstein "D´us não joga dados com o universo" ou seja, "O acaso não existe!".

 Assim, para aqueles que são versados no conhecimento escondido e que sabem reconhecer os atributos da alma de Mashiach, fica fácil encontrar as pessoas em cada geração nas quais as centelhas de Mashiach foram reencarnadas.

Seja Como A Água...

Bruce revelou, certa ocasião durante uma entrevista, parte do conhecimento espiritual que possuía na sua centelha messiânica:

"Esvazie a sua mente... seja amorfo, sem forma, como a água. Se você coloca a água em um copo, ela se torna o copo. Se colocá-la numa chaleira, ela se torna a chaleira, se colocá-la numa xícara, ela se torna a xícara. A água pode fluir ou pode destruir. Seja como a água meu amigo..."

A água é simplesmente a manifestação física da Luz do Criador em nosso mundo físico. Água é luz. A palavra água no hebraico é "mayim (מים)" que é escrita com as letras "mem מ, yud י e mem sofit ם" e que são as iniciais da frase "matai yavô mashiach (מתי יבוא משיח)". Para os estudantes dos mistérios do Sagrado, o código "água" é simplesmente uma marca que revela a "alma de mashiach".

"Ocultar significados faz parte da glória de D´us, mas elucidar assuntos faz parte da glória dos reis (Provérbios capítulo 25 verso 2)".

TRIBUTO A BRUCE LEE
Desative o Player de Áudio (clique no pause) no final da página para ver o vídeo


Um comentário:

Neshomá Teomá disse...

Querido mestre e amigo suas palavras reluz sabedoria e penetra profundo em nossa alma!!!

Neshomá Teomá

Leia também...

O Artesão Da Luz

O Artesão Da Luz
Deepak Veda - Instrutor e compartilhador sobre a Sabedoria Espiritual. Sênior criptólogo especialista em Criptologia Divina. É escritor e autor de 14 obras, incluindo "Shem ha'Meforash - Os 72 Nomes De D'us" e "Guilgulim - O Portal Das Reencarnações".

Advertência

"Todas as palavras postadas aqui tem por finalidade a revelação dos mistérios das escrituras. Por mais duras que algumas vezes possam parecer, elas não tem finalidade de agredir, difamar, caluniar quaisquer pessoas, instituições, religiões ou quaisquer práticas religiosas e seus líderes. É certo que determinadas práticas e seus respectivos lideres precisam sim serem trazidos à luz, mas através da revelação da verdade"

Tradição

"Então, aqueles que são sábios brilharão como o esplendor (Zohar) do firmamento, e aqueles que retornaram à justiça para muitos, serão como as estrelas para sempre (Dani´El Péreq 12, 3º Passuq)".

Aviso

"A Hayk´la Arazuta não possui vínculos ou ligações com quaisquer endidades "judaicas" e nem mesmo com qualquer federação. A Hayk´la Arazuta não é siosnista e não crê no sionismo. Os rabinos da Hayk´la Arazuta não possuem ligação e nem seguem ou servem ao "judaísmo rabínico". A Hayk´la Arazuta avisa que qualquer um que proferir calúnias, difamações, ataques contra a honra da Comunidade, seus lideres e membros, ameaças de quaisquer tipo, os autores serão levados ao Judiciário através de processos cíveis e criminais. Copiar, distorcer e usar pejorativamente assuntos e experiências aqui publicadas, os autores serão processados. A Hayk´la Arazuta d´Madvra é um Orgão da Associação Cabalista Mundial - Gará Kulam Moshav, organização esta devidamente registrada junto ao Governo Federal Brazileiro de acordo com a Lei e possui CNPJ.".