O Buscador

O Buscador
"Quando olho para os Céus, não estou procurando por um Deus que vive no espaço exterior, estou lendo as estrelas e ouvindo os seus mistérios (Tehilim 19)". Deepak Sankara Veda

PROGRAMA "OS ARQUIVOS X"

PROGRAMA "OS ARQUIVOS X"
Apresentado entre agosto e novembro de 2015. Clique na imagem!

OS ECOS DE ENOCH

Faça Uma Tzedaká (Doação)

Faça Uma Tzedaká (Doação)
O Segredo Da Doação

quarta-feira, 4 de outubro de 2017

O CÓDIGO 778


Shoá Atomit - O Código 778 

No ducentésimo décimo oitavo dia do ano 1945, o sol acendeu sobre a cidade de Hiroshima no Japão. A bomba atômica apelidada de "Little Boy" explodiu sobre a cidade matando mais de 70.000 civis e militares.

Há duas transliterações de Hiroshima para o hebraico, sendo a primeira (הִרֹשִימַה) que omite a letra "yud (י)" que é substituída pela niqud "chiriq" que é um ponto abaixo da letra e a letra "vav (וֹ)"  substituída pela niqud "cholam" que é um ponto acima da letra resultando em gematria igual a 560 que é a mesma da palavra "tikun (תִיקֻן)" quando também é escrita sem a letra "vav (וֹ)" substituída pela niqud (vogal) "qubutz" que são três pontos abaixo letra  no sentido diagonal para direita (תִיקֻן). Tikun significa "Karma/Correção". Ora, o dia 218º do ano mais o valor de Hiroshima resulta em 778 que é a gematria de "Shoá Atomít (שׁוֹאָה אָטוֹמִית)" que traduzido é "Holocausto Atômico".


778
שׁוֹאָה אָטוֹמִית

Continuando as análises do Código 778 e para que, fica claro e estabelecido que não se trata de achismo ou dogma ante ou pós-apocalíptico, aqui forneço evidencias do que recebi dos meus mestres que são os santos anjos e dos rabbis da Academia Celestial. 

Em 26 de abril de 1986, dez anos antes que o jornalista e escritor Michael Drosnin, autor do best seller "The Bible Code (O Código Da Bíblia)", publicado em 1997, descobrisse a Key-Code (Palavra Chave) "Shoá Atomit (Holocausto Atômico), aconteceu à 1h23 da manhã, o desastre nuclear de Chernobyl, na Ucrânia. O dia 26 de abril é o 116º dia do ano solar. A expressão "Êsh ha'rá le'achlá (אֵשׁ הרַע לְאָכְלָה)" que traduzida significa "Fogo do mal a consumirá" possui gematria igual a 662. Ora, o dia 116º do ano mais o valor de "Fogo do mal a consumirá (662)" é igual a 778.


778

שׁוֹאָה אָטוֹמִית


Foi por inspiração divina que eu fui informado da importância da gematria da palavra-chave Shoá Atomit (שואה אטומית) que é 778 e o qual o autor do Código da Bíblia e os posteriores analistas de códigos bíblicos em todo o mundo não perceberam. 

Em 22 de fevereiro de 2011, eu recebi, por reencarnação, uma alma vinda do futuro, do ano 2043 e cujas lembranças de um mundo pós holocausto atômico me conduziram às lágrimas, verdadeiramente ao pranto. Ela me conduziu ao que restou da terra num universo pós apocalíptico me revelando a humanidade empobrecida e doente radioativa no que sobrou no mundo. Esta centelha reencarnada em mim me inspirou à poesia "Silêncio" e para mostrar-lhes que foi inspiração divina, a gematria de "Em 22 de Februar (בכ"ב ב"פברואר)" possui valor igual a 515 que é o mesma da palavra "Shirá (שירה)" que significa "Poesia".

"Silêncio! As vozes se calaram. O único som que ouço é o do vento uivando sobre as pedras, ruínas das antigas construções, monturos assolados pelo tempo que os castiga como um chicote invisível. Mesmo os demônios estão em silencio agora...

Não ouço mais o coaxar dos sapos e nem o som dos grilos que preenchiam a noite com suas canções. O galo se foi. Sua voz foi calada há quarenta e dois anos. O único som agora é a voz síntese do velho hardware, aquela cabeça metálica de olhos vermelhos colocada em cima do velho balcão de mármore.

- Água senhor? – Ela pergunta – O teor de radiação está baixo hoje – terminou. A mesma música entoada uma vez na semana. As vozes? Elas se calaram. Os demônios estão em silencio agora.

Ahh! Eu desejava ouvir a voz do velho rabino, aquele de barbas brancas de longos peyot , quando ele dizia para prestarmos atenção às pequenas vozes, as vozes dos humildes, andarilhos iluminados, centelhas do alfabeto místico, avisando a humanidade que o dia chegaria, quando as vozes se calariam.

Lá no interior, os demônios continuam em silêncio. Suas vozes foram silenciadas pela voz da maldade que plantara residência na câmara esquerda do templo do coração do homem.

O gueto esta frio hoje. Pessoas se reúnem ao redor do fogo aceso dentro do velho barril de petróleo, sangue negro, chamavam-no. Ele não existe mais. As veias estão secas e o sangue já não corre mais...

As manchas brancas cobrem a pele. Deveria ser um bom sinal, mas não é. A lepra voltou devorando a alma dos homens, mulheres e crianças. Nem os animais escaparam. Os contaminados são exilados. Eles os mandam para o vale do esquecimento onde a voz jamais se reerguerá. Eles a usaram maliciosamente. Difamaram com ela. Suas calunias foram lançadas ao vento como as folhas do velho carvalho que ficava na floresta de chaiim. Ele também se calou. O vento já não uiva mais por entre os seus frondosos galhos.

Ahh! Onde está a voz do rabino? Foi calada pelos religiosos dogmáticos. Suas centelhas luminosas já não mais crepitam pelo ar. Mesmo os demônios não falam mais. Calaram-se no interior.

Onde estão as vozes dos poemas e dos poetas? Calaram-se também. Elas causavam comichões nos ouvidos da humanidade. Elas acusaram: - Foram os poderosos, os lideres das nações, em seus palácios decorados com sangue. Sangue dos inocentes. Eles as fizeram calar. Elas causavam comichões aos ouvidos do poder.

O brilho nos cegou os olhos. Foi em 2013. Detonaram a velha arma russa trocada por um pedaço de pão para alimentar as crianças famintas. Todas elas morreram com o calor nuclear.

Silêncio! As vozes se calaram. O único som que ouço é o do vento uivando sobre as pedras, ruínas das antigas construções, monturos assolados pelo tempo que os castiga como um chicote invisível. Mesmo os demônios estão em silencio agora...

Ah! Onde está a voz do velho rabino? Eu desejava ouvi-la agora. Calou-se. Mesmo lá no interior há silencio agora, nem mesmo os demônios sussurram mais...".

Depois, em 2012 eu recebi, também por inspiração divina, o "Poema do Ocaso" o qual publiquei em um curta metragem que gravei:


"Lembranças, fragmentos de pensamentos que tivemos, vidas que vivemos. Este é o nosso purgatório, nosso inferno. Sim, estamos mortos. Nós destruímos a terra e já não mais vivemos e tudo o que nos restou foram as lembranças, fragmentos de pensamentos que tivemos. Estamos mortos agora...".


Desde aquele ano, 2012, que venho, em um esforço espiritual, publicando as revelações sobre o Holocausto Atômico, sobre o qual, recebi, novamente por divina inspiração, o conhecimento do dia, mês e ano no qual ele seria detonado, o dia 16 de julho de 2013, sessenta e oito anos após o primeiro teste atômico em Alamogordo, no Novo México. A data cairia em T'shá be'Av de 5773 (9 de Av de 5773).



16 de Julho de 1945
טז יולי תשה
=778

(In Ha'Kollel)

Holocausto Atômico
שואה אטומית
=778

Este valor, 778 é o mesmo da frase "Av be'5773 (אב ב'תשע״ג) - Julho/agosto de 2013". O karma atômico que o mundo criou nos alcançaria no mesmo dia no qual, 68 anos antes, no dia 16 de Julho de 1945 ele fora criado. Dezesseis de Julho de 2013 foi exatamente o dia 9 de Av de 5773 - O dia mais iluminado do ano, no mês regido pelo sol e tido pela religião judaica como o dia mais negativo do ano e não é o dia que é negativo, mas os pensamento e ações negativas da humanidade que ganham vida em um dia tão iluminado.


Av be'5773
אב ב'תשע״ג
=778

Sabemos que seria a Coréia do Norte que iria deflagar este Holocausto Atômico, pois isto está no mesmo código descoberto por Michael Drosnin mas que ele não viu. A expressão "Coréia mi'Tzafon Alef Milchamá Atomí (מצפון קוריאה: א מלחמה אטומי)" possui a mesma gematria de "Shoá Atomit".


A expressão "Karma ha'atomí yketz ha'olami (קארמה האטומי יקץ העולםי) - O karma atômico será o do mundo" possui gematria igual a 778.




CLIQUE PARA AMPLIAR

Este, acima, é o Código descoberto por Michael Drosnin. Eu encontrei não apenas Coréia do Norte, como também o ano (5773/2013) como a expressão "ki avód tôavedon (
כִּי אָבֹד תֹּאבֵדוּן)" cuja tradução é "pois sereis destruídos" e que é parte de Devarim (Deuteronômio) pereq 8, décimo nono passuq (versículo) cuja gematria é 500. Perguntamos "como, por qual meio serão destruídos?" e ao juntarmos a expressão "be'pitzutz (בפיצוץ)" que traduzido é "na explosão" e cujo valor é 278 e ao somarmos com a gematria do final do verso de Devarim, o resultado é 778.

Como nos salvamos se o destino da humanidade era, sem sombra de dúvida, o Holocausto Atômico e a destruição de quase todo mundo?

Zohar Ha-Qadosh: “Uma nação vai surgir a partir de um fim do mundo (Coreia), contra os ímpios “Romanos (E.U.A.) e vai combatê-los por 3 meses. Outras nações irão juntar-se a guerra contra a nação a partir de fim do mundo, até Edom todos se unirão contra esta nação. Então HKB "H (Hashem, bendito seja Ele)” irá surgir contra eles, como ele diz,"וטבח גדול בארץ אדום Um gigantesco massacre na terra de Edom (E.U.A)”. זוהר ח"ב לב ע"א:


A POESIA

Sabemos que as poesias que vieram do futuro, vozes de um clamor pós-apocalíptico e a alma do Rabino Chaim Vital vestida por inúmeras outras centelhas de almas e anjos, moveram o coração do Divino que fez adiar o destino da humanidade e nos permitindo escapar do Holocausto Atômico em 16 de julho de 2013.

Em hebraico, a sentença "ha'Mashiach Hayim Vital ha'tziláh ha'Olam (המשיח חיים ויטאל הצילה העולם) - O Messias Chayim Vital salvou o mundo" resulta, em gematria hebraica, exatamente o mesmo valor de "Shoáh Atomit (Holocausto Atômico)".



המשיח חיים ויטאל הצילה העולם
=778

Voltemos a 1986 é o desastre atômico de Chernobyl. A expressão "Shoá Atomit (שואה אטומית)" sobre a qual já conhecemos o seu valor em gematria que é 778 é a chave que nos permitiu compreender o que viria no futuro e, com a Graça do Sagrado, escaparmos de um desastre atômico mundial. A maior evidência estava escondida no próprio desastre nuclear de Pripyat. Ao calcularmos a expressão "Em Chernobyl na Ucrânia (הבאה בצ'רנוביל באוקראינה)" a gematria é exatamente a mesma de "Shoá Atomit" que é 778 e quando calculamos a data e o ano nos quais o reator nuclear de Chernobyl explodiu, descobrimos que não foi acaso, pois "26 abril 5746 (כו א ה'תשמ"ו)" resulta em gematria igual a 778.


Se o desastre atômico de Chernobyl podia ser evitado, por que então não foi? Faltaram almas para realizar este milagre ou o número dos Lamed Vav Nistarim era menor que 36? Porque a sabedoria divina nos informa que, quando o número dos imortais escondidos é menor do que 36 em uma geração, o mundo corre o risco de ser destruído. A gematria de "18 Imortais Ocultos (חי נסתרים)" é igual a 778!


Nós estamos agora no ano 778 e até este momento parece que conseguimos evitar novamente o Holocausto Atômico, com a ajuda da Sabedoria Divina, pois orações não podem salvar o mundo e sim e unicamente ações espirituais e principalmente mérito adquirido pela prática e estudo da Sabedoria Escondida da Torá: A QABALÁH e o Zôhar!



Karma Atômico Mundial
תִקוּן עוֹלָמִי אָטוֹמִי

Sim, existe um karma atômico mundial. Foram mais de 2000 explosões nucleares levadas a cabo pelos países que possuem tecnologias e armamentos atômicos. Imagine número, e não pequeno, de pessoas empregadas para todas as áreas necessárias até a detonação de um artefato nuclear, desde aquelas pessoas que faziam os cadarços para as botas dos militares até os cientistas e mecânicos que construíram os artefatos. Milhares de pessoas.

A expressão hebraica para "Karma Atômico Mundial" é "Tikun Olamí Atomi (תִקוּן עוֹלָמִי אָטוֹמִי)" e a gematria desta expressão é exatamente igual a 778!


תִקוּן עוֹלָמִי אָטוֹמִי
=778

Godzilla
Uma Alusão Ao Karma Atômico Mundial

A personagem Godzilla não é apenas uma ficção. Godzilla é uma alusão ao karma atômico da humanidade que permanece espreitando-a na escuridão. A gematria Mispar Milluí de Godzilla quando transliterado para o hebraico (גודזילה) é 706 e a gematria Mispar Musafi é 72. Ora, 706+72 é igual a 778 que é a mesma gematria de Shoá Atomit (שואה אטומית) - Holocausto Atômico. E ainda há mais.


**Godzilla (Gojira ou ゴジラ no original em japonês) é um monstro gigante fictício que apareceu em filmes japoneses. Ele foi visto pela primeira vez em 1954 no filme "Godzilla". Godzilla é a personificação do medo das armas nucleares. Criado por uma explosão nuclear, seu imenso tamanho, força, terror e destruição evoca a fúria das bombas atômicas lançadas sobre Hiroshima e Nagasaki. Godzilla é o "KARMA ATÔMICO" da humanidade.

778

שׁוֹאָה אָטוֹמִית

"Lembranças, fragmentos de pensamentos que tivemos, vidas que vivemos. Este é o nosso purgatório, nosso inferno. Sim, estamos mortos. Nós destruímos a terra e já não mais vivemos e tudo o que nos restou foram as lembranças, fragmentos de pensamentos que tivemos. Estamos mortos agora...".

"Ah! Onde está a voz do velho rabino? Eu desejava ouvi-la agora. Calou-se. Mesmo lá no interior há silencio agora, nem mesmo os demônios sussurram mais..."

הם יגאל. חיים ויטל יישמרו
"Eles serão redimidos, a alma de Chaim Vital os preservará"
=778




Autor
Dipankara Vedas
Bën Mähren Qadësh
Misha'Ël Ha'Levi

O Artesão Da Luz

EU QUERO ACREDITAR

EU QUERO ACREDITAR
EVIDÊNCIAS DA PRESENÇA ALIENÍGENA NO PASSADO DA HUMANIDADE