Curso: Manifestações Ufológicas EM Código Secreto Na Bíblia

Curso: Manifestações Ufológicas EM Código Secreto Na Bíblia
O Velho Testamento bíblico e outras partes do livro sagrado estão repletos de alusões a avistamentos ufológicos e contatos com seres extraterrestres, como se verá neste curso, que dá continuidade ao ministrado pelo mesmo professor no ano de 2020. Há até mesmo ocorrências de abduções alienígenas nele descritas com clareza, como a do profeta Elias, que foi levado aos céus. Se lida com uma ótica moderna e interpretada com conhecimentos ufológicos, na Bíblia, principalmente em sua versão hebraica, há ainda inúmeras outras menções a situações inusitadas apresentadas em um código próprio, que hoje é estudado pela chamada Ufocriptologia, que o curso ministrado pelo rabino Misha’ Ël Há’ Levi, como também é conhecido Paulo Sergio Batalini, abordará. Clique na imagem para mais informações.

EU QUERO ACREDITAR

EU QUERO ACREDITAR
CRIPTO-EVIDÊNCIAS DA PRESENÇA ALIENÍGENA NO PASSADO DA HUMANIDADE

Os Verdadeiros Anunnki

Os Verdadeiros Anunnki
A verdade jamais revelada sobre os Anunnaki

Novo Livro

Novo Livro
Duna - Uma Experiência Verdadeira

Os Ecos De Enoch

Os Ecos De Enoch
Página dedicada à criação online da Obra "Os Ecos De Enoch"

PROGRAMA "OS ARQUIVOS X"

PROGRAMA "OS ARQUIVOS X"
Apresentado entre agosto e novembro de 2015. Clique na imagem!

Faça Uma Tzedaká (Doação)

Faça Uma Tzedaká (Doação)
O Segredo Da Doação

sexta-feira, 11 de janeiro de 2013

O Cometa & o Êxodo Bíblico


O Cometa McNaught
(C/2006 P1) - O Grande Cometa de 2007

À medida em que o conhecimento vai sendo relembrado, que os arquivos cósmicos vão sendo abertos e penetrados, os mistérios bíblicos vão sendo desvendados e a religião vai perdendo sua força sobre a alma da humanidade e a verdadeira espiritualidade vai sendo despertada.

Sempre tivemos perguntas, curiosidade para descobrir como os milagres foram realizados e porque nunca mais vimos maravilhas tais como as narradas nas escrituras. Eis aqui uma delas:

"Eis o que diz o Senhor: nisto reconhecerás que eu sou o Senhor: vou ferir as águas do Nilo com a vara que tenho na minha mão e elas se mudarão em sangue (כֹּה, אָמַר יְהוָה, בְּזֹאת תֵּדַע, כִּי אֲנִי יְהוָה:  הִנֵּה אָנֹכִי מַכֶּה בַּמַּטֶּה אֲשֶׁר-בְּיָדִי, עַל-הַמַּיִם אֲשֶׁר בַּיְאֹר--וְנֶהֶפְכוּ לְדָם)". 

- Êxodo 7:17

O Senhor disse a Moisés: “Estende a mão para o céu, para que caia uma chuva de barad em todo o Egito sobre os homens, os animais e sobre toda a erva dos campos”. 

- Êxodo 9:22 

Barad é a palavra hebraica para "meteorito" que foi traduzida para em todas as Bíblias para "granizo" ou chuva de granizo.

Em seis semanas, a Terra cruzou três vezes a cauda do Cometa Typhon, a causa dos milagres e pragas que caíram não apenas sobre o Egito, mas sobre todas as nações, o planeta inteiro foi sacudido por seu encontro com este gigantesco cometa, a "vara de Deus".

Na última passagem, a Terra cruzou entre a cauda e a cabeça do cometa. A força gravitacional deste gigantesco "Anjo do Senhor" puxou as águas dos mares, rios e cachoeiras para cima, incluindo o "Iam Suf - Mar da Tormenta (Suf vem de Sufá que é tormenta)".

O Cometa McNaught

O cometa era vermelho sangue, por isto, na primeira praga em que o "Cajado de Deus (o próprio cometa)" feriu todas as águas do planeta, quando a Terra cruzou sua calda na primeira vez, elas se tornaram "sangue".

Abraham Rockenbach (1536 - 1611) escreveu: "No ano terrestre de 2453 - como muitos autores acreditados, na base de muitas conjecturas, determinaram - um cometa apareceu, o qual Plínio também mencionou em seu segundo livro. Era luminoso, aparentava um círculo irregular, com uma cabeça envolta, tinha forma de um globo, e era de terrível aspecto. Algumas autoridades asseveram que o cometa foi visto na Síria, Babilônia, Índia no signo de Capricórnio, na forma de um disco, ao tempo em que os Filhos de Israel avançavam do Egito em direção à Terra Prometida, guiados em seu caminho pela coluna de nuvem durante o dia, e pela coluna de fogo à noite".

A coluna de nuvem e de fogo também é o segredo do cometa, visto no leste ao nascer do sol, durante o dia, e no oeste durante ao anoitecer.

Quando a Terra cruzou a cauda do cometa na segunda vez, choveram pedras meteóricas que foram capturadas pela gravidade do planeta.

“Naquela noite, passarei através do Egito, e ferirei os primogênitos no Egito, tanto os dos homens como os dos animais, e exercerei minha justiça contra todos os deuses do Egito. Eu sou o Senhor (וְעָבַרְתִּי בְאֶרֶץ-מִצְרַיִם, בַּלַּיְלָה הַזֶּה, וְהִכֵּיתִי כָל-בְּכוֹר בְּאֶרֶץ מִצְרַיִם, מֵאָדָם וְעַד-בְּהֵמָה; וּבְכָל-אֱלֹהֵי מִצְרַיִם אֶעֱשֶׂה שְׁפָטִים, אֲנִי יְהוָה)". - Êxodo 12:12

Dai a festividade de "Pessach (Páscoa)" cujo termo vem do hebraico "Passach" significando "Passagem", pois a Terra passou através da cauda do cometa.

O Cometa Halley

Em 1910, após 76 anos, o Cometa Halley se aproximou da Terra novamente. Uma série de notícias a respeito do cianogênio, gás letal presente na cauda do cometa, criou um clima de pânico à escala global.

Cometa Halley em 1910

Curiosamente, o que está na origem de todo o alarido são descobertas científicas fidedignas. Pela primeira vez, os astrónomos identificaram os elementos químicos de um cometa, incluindo os componentes venenosos, e a informação saltou para a imprensa. Houve tentativas de explicar que, mesmo ao aproximar-se mais da Terra - na noite de 18 para 19 de Maio -, o cometa não envenenaria ninguém, não desta vez, pois a o planeta não cruzaria a cauda do cometa...

O cometa chamado de Typhon foi a causa dos milagres e pragas que desceram sobre o Egito, e Moisés sabia a época de sua passagem, pois o segredo estava escrito no “Sipra Raziel ha’Malach - O Livro do Arcanjo Raziel - também chamado de o Livro de Adão, que era o próprio “Cajado de Moisés” que fora talha do de Safira no crepúsculo do sexto dia da criação”.

À medida em que os filhos de Israel viajavam pelo deserto saindo do Egito, o maravilhoso cometa brilhava nos céus. A evidência desse evento celestial está no 4º livro da Torá chamado Bamidbar (Números) no capítulo 33, versículos 4 e 5:

"Enquanto os egípcios enterravam os que o Senhor tinha ferido entre eles, a todo o primogênito, e havendo o Senhor executado juízos também contra os seus deuses. Partiram, pois, os filhos de Israel de Ramessés, e acamparam-se em Sucote.

וּמִצְרַיִם מְקַבְּרִים, אֵת אֲשֶׁר הִכָּה יְהוָה בָּהֶם--כָּל-בְּכוֹר; וּבֵאלֹהֵיהֶם, עָשָׂה יְהוָה שְׁפָטִים. וַיִּסְעוּ בְנֵי-יִשְׂרָאֵל, מֵרַעְמְסֵס; וַיַּחֲנוּ, בְּסֻכֹּת."


Números 33:4,5

Dentro desses dois versículos nós encontramos, codificada, a palavra "SHAVIT (שביט)" que é o hebraico para Cometa, como se pode ver acima na letras marcadas em verde e em caixa alta.


Pretendo explanar mais sobre este assunto e seus mistérios no meu livro "Os Filhos das Estrelas" no qual estou trabalhando.

Fonte: Dr. Immanuel Velikovsky - Mundos em Colisão


C/2012 S1 Ison



O Artesão Da Luz